Fechar
Ex de Mileide Mihaile

Ex-esposa acusa Wallas Arrais de ignorar e não pagar pensão do filho

Cantor de forró é pai de um garoto de 10 anos

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Com mais de 1,2 milhão de seguidores nas redes sociais e músicas que despontam no cenário do forró, Wallas Arrais está sendo acusado pela ex-esposa Keyla Silva de não pagar pensão alimentícia de R$ 800 ao seu filho Wallas Kalei, de 10 anos. Segundo a microempresária, a ausência do cantor nas obrigações de pai ocorrem há pelo menos quatro meses.

Morando em Caxias, no Maranhão, Keyla conta que o artista intérprete de “Eu Não Vou” nunca foi um pai presente e, nos últimos meses, sumiu totalmente da vida do herdeiro. A ex do famoso diz ter feito inúmeras tentativas de contato, mas todas as suas mensagens e ligações acabaram sendo ignoradas.

“Na verdade, ele nunca ligou para o filho. Mas há quatro meses, ele sumiu. Não paga a pensão, não paga a escola nem responde as mensagens do garoto. Um pouco antes dele desaparecer, disse que a situação estava bem complicada porque não fazia shows e por isso não estaria recebendo do escritório”, conta ela, em entrevista exclusiva à colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia.

A comerciante ressalta que meses atrás teve contato verbal com o ex-marido, e que o mesmo justificou passar por dificuldades financeiras devido a falta de shows provocadas pela pandemia da Covid-19. No entanto, Wallas, tem se mostrado bem ativo nas redes sociais. “Não parece que ele está tão mal financeiramente”, observa Keyla.

Continua após a publicidade

A paternidade de Wallas Arrais virou assunto na imprensa em 2018, quando a influenciadora digital e ex de Wesley Safadão, Mileide Mihaile, assumiu namoro com ele. A partir daí, Keyla Silva resolveu colocar a boca no trombone e exigiu que o antigo romance reconhecesse o primogênito como seu filho.

À época, Keyla desabafou por meio das redes sociais que sua luta para que o ex-marido reconhecesse a paternidade do seu filho já levava anos, e que o cantor se negava a registrar a criança. Entre as desculpas dadas por Wallas, segundo a microempresária, a falta de tempo era a mais usada pelo famoso cantor de forró.

“Eu lutei anos e anos. Wallas não quis registrar o filho quando nasceu e depois dava desculpas, como falta de tempo, para não reconhecer o garoto. Eu tive que entrar com vários processos de reconhecimento de paternidade. Só em novembro de 2018 que Wallas Kalei foi reconhecido”, conta ela, que recentemente se tornou mãe de uma menina, fruto do seu atual relacionamento.

Wallas Arrais decidiu reconhecer o filho após à imprensa noticiar a luta de Keyla para que o herdeiro passasse a ter o nome do pai no registro. Em audiência, a Justiça determinou que o cantor pagasse uma pensão alimentícia de R$ 800 mensais. No entanto, o valor não sofre um reajuste há mais de 2 anos. “Não sei mais o que fazer”, desabafa.

O EM OFF tentou contato com Wallas Arrais através da sua assessoria de imprensa, mas nossos telefonemas não foram atendidos.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo

Tags Relacionadas: