Fechar
VIOLÊNCIA CONTRA MULHER

Famosas revelam que já foram vítimas de agressão

Atrizes, modelos e influenciadoras digitais revelaram terem sido vítimas de algum tipo de agressão

Jean TellesRepórter do EM OFF

O recente caso de agressão envolvendo a arquiteta Pamella Holanda, que foi brutalmente espancada pelo seu marido, o músico DJ Ivis, criou uma rede de solidariedade feminina entre famosas e anônimas que vêm se unindo em apoio às mulheres vítimas de agressão.

Na última terça-feira (13), a modelo Yasmin Brunet publicou em suas redes sociais uma imagem que continha o seguinte texto: “Deixe um . Aqui se você já foi agredida física, emocional ou psicologicamente”. Como resposta no post do Instagram, diversas famosas revelaram que já foram agredidas.

Algumas artistas que deixaram um “.” na publicação da esposa de Gabriel Medina foram as atrizes Bruna Marquezine, Marina Ruy Barbosa, Tata Werneck, Isis Valverde, Deborah Secco e Antonia Moraes.

A influenciadora Mileide Mihaine, ex-esposa de Wesley Safadão e a médica Romana Novaes, esposa do DJ Alok, também revelaram já terem sido vítimas de algum tipo de agressão durante suas vidas.

E não foram só atrizes e influenciadoras que se manifestaram publicamente sobre violência contra mulher. Na última segunda-feira (12), as cantoras Marilia Mendonça, Maiara e Maraisa lançaram uma canção que fala sobre violência doméstica.

Em seu perfil no Instagram, Maraisa detalhou o projeto da nova canção: “Quem acompanha nosso trabalho nas redes sociais sabe que estamos selecionando o novo repertório das patroas que será apresentado na nossa próxima live. Essa é uma das músicas que está selecionada a alguns meses. no dia que escutamos ela, choramos as três”, começou dizendo a sertaneja.

“Estávamos preparando um trabalho especial pra essa música de conscientização sobre a importância da denúncia contra a agressão a mulher, justamente por saber que somos referências pra muitas mulheres no Brasil, que passam todos os dias por situações parecidas e por muitas vezes se sentem desencorajadas a denunciar”, continuou.

Devido às denúncias chocantes de agressões sofridas por Pamella Holanda por seu marido o músico DJ Ivis, as cantoras decidiram que era o momento exato de conscientizar a população por meio da arte: “Não deu pra esperar. Não temos mais tempo. estamos aqui com você. LIGUE 180 e denuncie! VOCÊ NÃO ESTÁ SOZINHA!”, escreveu a cantora sertaneja.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo