Fechar
Indignado

Felipe Neto se revolta com valor de passagem

Sem se calar, ele compartilhou sua revolta com os fãs

Nayara VieiraRepórter do EM OFF

O youtuber Felipe Neto usou as redes sociais para reclamar de uma situação que o deixou indignado nesta segunda-feira (30). Depois de parar para pesquisar o valor de passagens do Rio de Janeiro, onde reside, para São Paulo, o empresário ficou abismado com o valor exorbitante do voo que encontrou na internet. Sem se calar, ele compartilhou sua revolta com os fãs.

Na publicação, Felipe mostrou um print em que mostrava o valor de R$3,499 mil reais em um voo curto. “Valor da passagem SP – RJ, pra comprar pra amanhã. Um vôo de 40 minutos”, escreveu ele. “Esse país virou uma piada”, reclamou o criador de conteúdo, que costuma expor frequentemente suas opiniões nas redes sociais com milhares de seguidores.

No espaço dedicado aos comentários, os internautas opinaram sobre o assunto abordado por Felipe. “E não te dão uma água de graça, além de pagar um rim você ainda viaja com fome e com sede”, se identificou um seguidor. Tenho filhos pequenos que moram em outro estado, na região norte. Viajo a cada 15 dias. É um absurdo pagar esses preços astronômicos por uma viagem de cerca de 1h e ainda ter que viajar de madrugada, pois os voos partem às 3h30 da manhã. É um absurdo!”, relatou outra seguidora.

“Coloca mais 500 conto e vai até Lisboa [risos]. O Brasil tá uma vergonha, por isso a ponte aérea SP/RJ tá saindo com 50/80 passageiros enquanto cabem 180. Melhor 4/5 horas na Dutra num carro confortável. Na real dá pra alugar um carro, ir e voltar e gastar menos [risos]”, opinou mais um fã. “O que acho pior é o fato de que não são valores estabelecidos….a cada dia o valor é diferente….pq o ônibus tem valor por trecho e o avião não?! Acho isso um absurdo”, escreveu outra internauta.

Continua após a publicidade

Mais seguidores opinaram: “Tá f*da pra quem é rico. Imagina quem é pobre, sequer sonha em pagar uma passagem dessa”; “Tá surreal o preço das passagens aéreas, e é porque comprando as bagagens à parte o valor iria diminuir. Se isso é diminuir o valor, eu não sei quanto seria o ‘aumento’. Viajar de avião no Brasil tá sendo luxo, infelizmente”.