Fechar
TRETA!

Fernanda Brum faz críticas a Isadora Pompeo: ‘Terrível’

A cantora gospel revelou que a jovem cantora lhe "tomou o microfone" durante apresentação

Jean TellesRepórter do EM OFF

É treta no mundo gospel! A cantora Fernanda Brum revelou durante uma entrevista ter tido “uma experiência terrível” ao cantar no mesmo palco com uma jovem cantora gospel durante um evento chamado “The Send Brasil”, no ano passado.

Apesar de Fernanda Brum não ter revelado de quem se tratava a jovem cantora, o jornalista Leo Dias, do Metrópoles, descobriu que se trata da cantora Isadora Pompeo, que também se apresentou no mesmo evento, cantando junto com Marcos Salles, outro cantor muito conhecido no meio gospel.

Para quem não se lembra, Isadora Pompeo é a ex-mulher do jogador do Flamengo Thiago Maia. Os dois tiveram uma separação conturbada depois de poucos meses de casados. Rumores davam conta que o atleta teria traído a cantora, mas ele negou.

Em conversa com seus seguidores, Isadora Pompeo deixou claro que a decisão de divórcio não partiu dela e sim de Thiago Maia: “Eu lutei pelo casamento, tentei de todas as formas, mas a cabeça [do ex-marido] já estava formada, então eu simplesmente aceitei”, disse a artista na época.

Continua após a publicidade

Em entrevista ao podcast Talkback, de Ed Araújo, a cantora Fernanda Brum detalhou que Isadora lhe “tomou o microfone” durante sua apresentação no evento gospel:

“Nós tínhamos um turno para cantar juntos de quarenta minutos. E ela tomou o microfone da gente, porque precisava daquela audiência, daquela multidão. Então, fiz o seguinte: peguei o outro cantor, que era mais velho, como eu, mais cascudo e falei ‘Vamos deixar ela, pois ela precisa dessa multidão. Vamos fazer backing vocal para ela”, declarou a cantora veterana.

Para Fernanda Brum, faltou humildade de Isadora Pompeo: “A altivez precede a queda. Eu já vi muita estrela cadente. Então, o que desejo para essa geração é que ela se sustente e que eles tenham quarenta, cinquenta anos de ministério que nunca passem. Então, essa é a única exceção, tá bom, gente? Não é uma crítica geral. Essa única exceção me doeu no coração”, afirmou a cantora que tem mais de 25 anos de carreira.