novo filme

Filme de Arthur Aguiar fica entre os assuntos mais comentados do país

Arthur Aguiar está no filme "Pluft, O Fantasminha", primeiro filme 3D brasileiro, ao lado de grandes nomes como Juliano Cazarré

Aline Torres
Repórter do EM OFF

“Pluft, O Fantasminha”, acabou de estrear nas salas dos cinemas brasileiros e a hashtag do nome do longa foi parar nos trending topics do Twitter. Fãs do ator desde a época que ele venceu o “Big Brother Brasil 22” em abril, afirmaram em postagens na rede social de mensagens instantâneas, que irão ao cinema ajudar a alavancar o sucesso do filme.

Na noite dessa quinta-feira (21), data de estreia do longa-metragem, o nome de Arthur Aguiar em paralelo com o filme, chegou a alcançar mais de 25 mil citações. O público levantou a hashtag, para que o filme do “pãozinho”, como ficou conhecido o ator durante o confinamento do BBB, recebesse a ajuda da “padaria” para ir ao cinema prestigiar “Pluft”.

Recentemente, Arthur concedeu uma entrevista para o Gshow e falou sobre o filme e a ansiedade de observar a filha Sophia, assistindo ao filme do pai. O ator lembra que esse é o primeiro filme brasileiro exibido em 3D, já que é repleto de efeitos especiais e demorou seis anos para ser concluído até chegar nos cinemas brasileiros:

“Minha filha (Sophia, do casamento com a ex-BBB Maíra Cardi) vai poder assistir e entender que sou eu no filme. Ela poderá compreender a história. Não vejo a hora de ver a reação dela, e ela é muito sincera, mas acho que vai gostar. É o primeiro filme 3D do Brasil. É uma responsabilidade muito grande. Sou grato por fazer parte da história”, disse na ocasião.

“Foi muito divertido. Eu e a equipe viajamos para o Nordeste, perto de Pipa (no Rio Grande do Norte), onde ficamos quase um mês. Rodamos o filme lá e depois seguimos para o estúdio. Não vimos o tempo passar. A gente brincava e nem parecia que estava trabalhando. Guardo com muito carinho e estou ansioso para assistir ao resultado”, disse ainda sobre a produção do longa.

A história conta sobre a menina Maribell (Lola Belli), que acaba sequestrada pelo pirata Perna-de-Pau (Juliano Cazarré), para poder usá-la na busca de um tesouro deixado pelo falecido avô da garota, o Capitão Bonança Arco-íris. Maribell cria uma linda amizade com o fastaminha Pluft (Nicolas Cruz), que morre de medo de gente.

A garota precisa ser encontrada pelos marinheiros Sebastião (Arthur Aguiar), João (Lucas Salles) e Juliano (Hugo Germano), amigos do avô da garota. Os três partem em uma divertida busca por Maribell, passando por muitas aventuras até finalmente derrotarem o pirata Perna-de-Pau.