Fechar
Novelas

Flavia Pavanelli abre o jogo sobre depressão

Intérprete de Brenda desabafou sobre momento delicado psicologicamente

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

No ar como a Brenda em “Poliana Moça”, novela exibida no horário nobre do SBT, Flavia Pavanelli acumula mais de 18 milhões de seguidores nas redes sociais. Bem-sucedida e contratada de uma das principais emissoras de TV aberta do Brasil, a atriz passou por momentos difíceis no auge da carreira na dramaturgia. Isso porque ela enfrentou um período em que quase entrou em depressão profunda.

Em entrevista ao “PoliCast”, programa sobre os bastidores da novela apresentado por Nicholas Torres e Ana Zimerman nas plataformas digitais do canal de Silvio Santos, a também influenciadora digital abriu o jogo sobre o período difícil e revelou que recebeu uma luz que a impediu de cair totalmente na doença psicológica durante os bastidores da trama assinada por Íris Abravanel.

“Trabalhar em uma empresa grande como o SBT eu achava que não era capaz. A Brenda é a paixão da minha vida, eu amo as curvas da personagem e ver as transformações dela. Mas eu passei por esse momento tenso, porque eu não sabia dosar, eu só sabia trabalhar, trabalhar, trabalhar, e teve uma vez que cheguei aqui, olhei e falei: ‘cadê essa felicidade? Eu não estou feliz’”, contou.

Flavia Pavanelli disse que já estava em uma fase inicial do problema psicológico: “Foi coisa de uma semana que eu vinha, ficava no meu canto, não falava muito com as pessoas, mas era um momento que eu precisava passar para ‘ops, peraí, tem alguma coisa estranha, essa não sou eu’. Eu procurei ajuda, ajuda médica, graças a Deus eu não tive nada muito profundo.”

Continua após a publicidade

Após reestabelecer a saúde mental, a atriz de “Poliana Moça” contou que teve uma reflexão sobre o auge do sucesso e reconhecimento na televisão. Antes de conseguir o seu primeiro papel em uma trama em 2018, a atriz tentou entrar na Globo em “Malhação” (1995-2022), mas não conseguiu ser aprovada no teste para o papel em que tentou emplacar sua estreia como uma profissional com DRT.

“Eu tive esse insight antes de entrar em uma depressão profunda, mas foi um alerta para mim, que eu falei: ‘Gente, vivendo o auge da minha vida, quando eu ia esperar? Tá triste, tá vazio’, e passou muito rápido, graças a Deus. Porém, eu precisei ter esse momento bem intenso, que me demandou bastante energia para entender o que estava acontecendo. Mas hoje eu estou bem, estou muito feliz”, declarou.

Além do sucesso como Brenda em “Poliana Moça”, Flavia Pavaneli é empresária de sucesso. “Realmente é gostar muito do que faz, hoje eu tenho minha marca de roupas, eu tenho outra empresa que estou para lançar, vida de atriz, vida de empresária e não deixo de ser filha em casa, irmã, amiga, ter meu momento de lazer.”