Fechar
EX-CQC

Humorista diz que culpa da pandemia ‘também é nossa’ e gera polêmica

Maurício Meirelles escreveu que os políticos não são os únicos culpados pelos números da Covid-19

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

O humorista e ex-CQC Maurício Meirelles gerou polêmica ao dizer que a população deveria parar de culpar apenas os políticos pela alta no número de casos e de mortes pela Covid-19 no Brasil e que as pessoas também assumissem que são parte do problema.

“E se a gente parasse de culpar apenas políticos e assumisse que a culpa desses números do Covid também é nossa pra caralho?”, publicou Meirelles em seu perfil no Twitter. Logo, uma série de pessoas criticaram a postura do humorista, dizendo que é papel da classe política assegurar a saúde da população.

O ex-participante do MasterChef Profissionais André Rochadel apontou que falta liderança ao país. “Isso é papo de quem está fazendo cagada cotidianamente desde que a pandemia começou e quer se sentir leve. Sem liderança responsável não há povo que segure a pandemia”.

O palestrante e colunista Leví Kaique Ferreira lembrou o humorista que postagens desse tipo podem ser vistas como uma maneira de amenizar críticas ao governo. “Você pode simplesmente criticar o governo e criticar a população irresponsável, sem essa equivalência do tweet. Não tem que parar nada”, comentou.

Continua após a publicidade

No entanto, também houve quem defendesse o humorista. “Sabe porque você vai arrumar problemas com esse post? Por quê o Brasileiro não consegue admitir que tem culpa, sempre procura uma desculpa ou transfere para o outro”, escreveu o usuário Walter Luan.

Nesta quarta-feira, dia 17, o Brasil alcançou a marca de 11,7 milhões de casos confirmados da doença, com 284 mil mortes. Só ontem, 2.648 pessoas morreram em 24h, um recorde para o país desde o começo da pandemia.