Fechar
Entenda

Influencer fica ‘presa’ na África por causa de variante do coronavírus

Danielle Diz viajou para a África do Sul há algumas semanas para realizar um trabalho voluntário; a influencer já foi no local outras vezes

Nayara VieiraRepórter do EM OFF

A influencer Danielle Diz viajou para a África do Sul há algumas semanas para realizar um trabalho voluntário. No entanto, a empresária não contava que acabaria ficando “presa” no continente depois que várias fronteiras foram fechadas por causa da nova variante do coronavírus, que recebeu o nome de “ômicrom”. Em seus stories do Instagram, a amiga de Lucas Rangel desabafou a respeito da situação e explicou que teve problemas com seu voo de volta para o Brasil.

“Assim como vocês, eu também estou assustadíssima com essa notícia de que o Brasil vai fechar as fronteiras”, começou ela. Dani ainda explicou que seu voo tem ligação com o Qatar e que ela deveria chegar ao país na segunda-feira (29), no entanto, descobriu que a companhia aérea não estava aceitando voos vindos da África. Devido ao contratempo, ela precisou pagar R$ 15.000,00 por sua passagem de volta. “A Qatar não está aceitando voos vindos da áfrica. Eu estou presa aqui, é isso mesmo, presa”, contou.

O que depender de mim eu vou fazer pra tentar voltar antes [para o Brasil]. No mais, é isso”, afirmou. Em seguida, ela mostrou que fez o teste e deu negativo. “Pegue o teste lá, graças a Deus sem corona. Eu não peguei corona essa pandemia inteira”, revelou a influencer. Ainda nos vídeos, Dani ressaltou que não sabia o que iria fazer, mas que tomaria todos os cuidados necessários, inclusive fazer uma quarentena antes de entrar no Brasil se fosse solicitado. “Eu estou sem informação nenhuma, sem saber de nada”, contou mais cedo.

Porém, apesar de ter explicado que foi realizar um trabalho voluntário na África, várias pessoas começaram a atacar a youtuber. “Vou deixar umas coisas bem claras, eu estou bem, mas aconteceu que a Sub [Instagram Subcelebrities] postou a notícia que estou presa aqui e, ela [Instagram de notícias] noticiou, mas as pessoas vieram me julgar nos comentários falando ‘ah vai viajar na pandemia?’, ‘quem que viaja numa hora dessas?’, ‘tanto lugar pra fazer trabalho voluntário’”, continuou ela.

Continua após a publicidade

Danielle ainda explicou que verificou se estava segura para fazer a viagem e que estava vacinada contra a Covid-19. “Quem me segue e acompanha meus conteúdos sabe que eu tenho esse propósito de vir pra África, não é a primeira vez que eu venho pra cá. Em segundo lugar, antes de vir eu li sobre, eu vim com uma agência que me avisou que estaria tudo bem. Não tinha nenhum empecilho para vir pra cá”, justificou a influencer.

“Eu não estou com covid, eu fiz o teste do PCR. E além de tudo isso que eu já falei, eu não vim aqui pra fazer festa, eu não vim aqui pra aglomerar, eu não vim aqui pra fazer graça”, declarou Dani, depois de ataques que recebeu na internet. “Essas foram as minhas férias, onde eu escolhi estar. Eu poderia estar em qualquer lugar do mundo, mas o que eu fiz aqui é muito grande. É muito maior do que qualquer comentário que possa tentar me abalar”, disse, chorando.

Assista:

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff