Se pronunciou

Jonas Esticado se defende e chora após ataques da ex-esposa: ‘Não sou um monstro’

"Estou cumprindo com todas as minhas obrigações, jamais deixaria faltar nada pro meu filho", disse

Danilo Reenlsober
Repórter do EM OFF

O cantor Jonas Esticado, que vive uma polêmica com sua ex-mulher, Herica Oliveira, resolveu se pronunciar na tarde desta sexta-feira (8) em suas redes sociais após as denuncias mais recentes envolvendo seu filho. A ex-companheira do artista disse mais cedo que Jonas teria se negado até mesmo a pagar a escola da criança. Antes, um áudio vazado mostra o forrozeiro dizendo que “não pode dar luxo” ao filho.

Jonas inicia o vídeo publicado nas suas redes sociais dizendo que sua fala vai contra muita gente, que preferia que ele se mantivesse em silêncio. No entanto, ele ressaltou que não podia ouvir tudo sem dizer o seu lado na história. “Ao contrário do que ela vem falando, eu vou seguir o caminho da Justiça“, disse o cantor, ressaltando que nunca deixou faltar nada ao filho.

Em seguida, o forrozeiro afirmou que a ex-mulher também tem sua parcela de culpa. “Começamos [o relacionamento] muito novos, dois imaturos, cometi muitos erros, ela também tem os erros dela, não sou o único errado na história”, disse. “Estou cumprindo com todas as minhas obrigações, jamais deixaria faltar nada pro meu filho e pra própria Herica”, garantiu ainda na gravação.

Abatido, ele falou sobre o áudio em que chamou Danone de “luxuzinho”: “Falei, mas volta um pouquinho, onde eu digo que jamais deixaria faltar nada, que pediria até esmola se precisasse. Danone, pra mim [na infância], era um luxo, mas não pra ela. Tudo está sendo jogado de uma forma muito covarde”, reforçou. “Desculpa se eu lhe feri dizendo que danone era um luxo”, disse Jonas, em outro trecho do vídeo.

O cantor deu seu lado na história, dizendo que precisou vender bens para pagar suas obrigações. “Tá sendo tudo feito, mesmo na pandemia, dois anos tudo parado. Começou a pandemia tive que vender o apartamento para quitar minhas obrigações. Tenho documentação de tudo”, garantiu. “Algumas coisas não posso expor por causa do segredo de Justiça, sempre tratei meu filho da melhor maneira”.

Encerrando o vídeo, Jonas Esticado disse que não é um “monstro” e pediu desculpas pelos erros. “Eu não sou o monstro que estão pintando por aí. Não queria estar me expondo aqui”, argumentou, emocionado. Em seguida, pediu para que a ex-mulher pare os ataques. “É chato demais, muito desgastante. Peço desculpas pelo choro, pela emoção, se eu tiver falado algo que agrida alguém, desculpa, mas esse é meu lado na história”.

Relembre

A polêmica envolvendo Jonas Esticado e a ex-mulher, Herica Oliveira, começou depois que a mãe do filho do cantor publicou um extenso desabafo nas redes sociais, contando sobre sua relação com o artista, de quem se separou há três anos. A influenciadora digital expôs detalhes do término conturbado do casal que, segundo ela, envolveu diversas traições.

Entre as puladas de cerca, segundo Herica, está uma com a atual mulher dele, a influencer Bruna Hazin, que está grávida do primeiro filho do casal. “Ele me traiu com a Bruna Hazin, sim. Qual a necessidade de um homem acabar com uma mulher dessa forma, sendo que foi ela quem deu seu primeiro filho?”, questionou Herica em seu relato.

Logo depois, tiveram início uma série de declarações de Herica dizendo que o ex-marido não estaria cumprindo com suas obrigações legais. Um áudio vazado mostrou algumas falas polêmicas do cantor. “Você já parou para pensar que eu vou passar cinco anos da minha vida, por causa dessa coisa aí, pagando quase 12 mil reais por mês”, começa falando o cantor, que logo é interrompido por Herica.

“E tu já parou pra pensar quanto tempo vegetei pra cuidar de tu e da nossa casa?”, perguntou ela. “Eu só tô ligando para dizer que eu não vou assinar nada de negócio de de valores não”, afirmou Jonas. Em outro trecho da conversa, o forrozeiro diz que Herica não precisava se preocupar, pois não iria faltar nada, mas ressaltou que poderia não bancar certos “luxozinhos”.

“Eu me comprometo a não deixar faltar nada pra você, nem que eu vá pedir esmola na rua. Agora, luxo eu também não posso dar não. Pode chegar um dia e faltar um Danone e essas coisas que são fúteis, é um luxuzinho”, diz o cantor. Mais cedo, nesta sexta-feira (8), Herica contou que Jonas Esticado disse em uma de suas discussões que não pagaria a escola do filho, pois segundo ele, a mensalidade estava cara demais.

“Eu só estou cobrando os meus direitos e os direitos do meu filho. Não estou pedindo nada demais. Como vocês podem ver, é um iceberg gigantesco. E não seria diferente, eles vão tentar me derrubar. […] Ele disse que não teria condições de me manter no apartamento com o meu filho. Quando eu fui colocar nosso filho numa escola, disse que não tinha condições de pagar, porque era dois mil reais e comparou o valor com uma faculdade. Então o que esperar de pessoas dessa forma?”, concluiu Herica.