Fechar
EITA!

Jornalista da Globo dá invertida em Felipe Neto após fala polêmica

Youtuber deu opinião polêmica nas redes sociais e foi respondido por uma jornalista da Rede Globo

Jean TellesRepórter do EM OFF

O youtuber Felipe Neto segue manifestando suas opiniões sobre o polêmico processo milionário envolvendo o ex-casal Johnny Depp e Amber Heard. Os dois duelam e exigem indenizações milionárias um do outro. A atriz declara que foi agredida, torturada e estuprada por Depp que nega, declarando que teve sua carreira artística prejudicada, após as declarações de sua ex-mulher terem se tornado públicas. 

Felipe Neto acreditando na inocência do astro de “Piratas do Caribe”, declarou nessa quinta-feira (5), que Amber não conseguiu provar nenhuma das acusações contra Johnny Depp: “Já são horas e horas de 2 dias de depoimento da Amber Heard. Assisti várias dessas horas (não todas). Alguém sabe se ALGUMA prova, qualquer uma, qualquer mísera prova, foi apresentada? Sobre os anos e anos q ela diz ter sido espancada, estuprada, abusada, torturada. ALGO?”, quis saber o youtuber. 

E prosseguiu: “Não é possível que não exista 1 único médico neste planeta pra testemunhar a favor da Amber após tê-la atendido por alguma agressão de Depp. Um médico mano. Só um”. Felipe Neto declarou ainda, que as declarações dadas por Amber Heard no tribunal, poderiam ser prejudiciais até para outras mulheres. Segundo o influencer, caso fique provado que a ex-mulher de Johnny Depp faltou com a verdade no processo, isso poderia prejudicar mulheres que sofrem agressões domésticas: 

“Se ficar provado que Amber Heard mentiu sobre tudo, eu fico pensando no estrago que ela causará para todas as mulheres que tentam lutar contra agressão doméstica pelo mundo”, escreveu o youtuber. A jornalista da GloboNews, Flávia Oliveira, discordou do argumento levantado por Felipe Neto, declarando que não se deve medir todas as mulheres do mundo, tendo como base, apenas um caso isolado.  

Continua após a publicidade

A comentarista política exemplificou ainda que o mesmo não acontece quando os homens cometem algum equívoco: “Entendo seu ponto. Mas precisamos romper essa armadura que confina mulheres e minorias em geral na homogeneidade. Um homem corrupto, assassino, criminoso – principalmente, se branco – não condena todos os homens. Nós também somos diversas”, explicou a comentarista política do “Estúdio I”.  

Como resposta, Felipe Neto se explicou, declarando que pensa nos advogados que poderiam usar da suposta mentira de Amber, para defender agressores de mulheres: “Sem dúvida, Flávia. Mas fico pensando na quantidade de advogado e homem filho da put* que vai usar a Amber pra defender agressor de mulher”

Flávia Oliveira finalizou o assunto declarando que aquela era a primeira vez que estava interagindo com Felipe Neto nas redes sociais: “Desculpa ai… O algoritmo dessa rede deu de me apresentar suas postagens hoje”, explicou a comunicadora.