Fechar
Treta

Lívia Andrade diz que Pétala rondou casa do ex antes do teste de DNA

A apresentadora Lívia Andrade disse que Pétala Barreiros rondou a casa de Marcos Araújo antes do do teste de DNA do filho caçula

Augusto ViannaRepórter do EM OFF

Toda a confusão que envolve a apresentadora Lívia Andrade, a influenciadora digital Pétala Barreiros e o dono do Villa Mix, Marcos Araújo, está longe de chegar ao fim. Nesta segunda-feira(27), a ex-mallandrinha compartilhou nos stories do Instagram imagens das câmeras de segurança que, supostamente, mostram Petála próxima à residência do empresário. Para completar, ela criou uma enquete: “É normal um dia antes do exame de DNA a pessoa ficar rondando a casa do ex?”, escreveu ela. 

Pétala também foi às redes sociais se defender dos supostos ataques que vem recebendo por conta de problemas judiciais que envolvem o pai dela, acusado de furtar joias. “Mais uma vez, o meu ex está se escondendo atrás da namorada dele para me atingir. E mais uma vez, assim como no início do ano, ela busca atingir o meu pai. Eu não aguento mais as acusações sobre o meu pai”, começou ela. 

“Tudo o que ela está postando não é segredo para ninguém. Aconteceu em 2011, passou no Fantástico, Jornal Nacional com William Bonner, tá? Não é uma história escondida e todo mundo está cansado dessa história. Meu pai responde na justiça e eu estou aqui para defender ele e lutar até o final. Eu tenho caráter e honra. Vou defender meus pais até o último dia da minha vida”, disse Pétala. 

Em 2011, Altemir Barreiros foi preso com o irmão por suspeita de tentarem furtar joias no interior de São Paulo. Os dois foram presos em flagrante pela polícia em Ibitinga, acusados de sair de uma joalheria com objetos de valor da loja sem pagar por eles. Durante a fase de investigação, o delegado Carlos Alberto Ocon de Oliveira chegou a afirmar que foram encontrados nove anéis, pulseiras, caneta Montblanc e um relógio Rolex furtados com os irmãos.

Continua após a publicidade

Pétala ainda continuou o desabafo e mandou recado para Marcos: “Para de se esconder atrás da sua namorada. Você está usando ela para falar do meu pai. Por que você não fala de mim? Porque você não tem nada para falar de mim. Está tentando se esconder atrás de uma história para maquiar tudo o que você fez”.

Brigas e DNA

Pétala pede para que Lívia pare de atacá-la pois ela não deve se meter nos problemas dela com o empresário, que envolvem agressão doméstica e corte de plano de saúde de duas crianças. “Livia para de defender ele. Você está usando a minha família de novo para me atingir.  Fala de mim. Você não tem nada a ver com essa história. Você não é minha ex e não é pai dos meus filhos. Me deixa em paz, pelo amor de tudo o que há de mais sagrado. Tudo o que eu falar, eu tenho provas”, pede ela.

“Lívia, você não entende que ele está te usando como uma peça de xadrez. Ela só está fazendo isso para me atingir. A única motivação dele é me atingir e você está sendo usada para me atingir. Como você se coloca neste papel? Você não é feminista ? Isso que eu não entendo. Não consegue enxergar isso? Está todo mundo vendo”, desabafou Pétala, que finalizou dizendo que estaria tentando se acalmar.

O clima tenso entre Pétala Barreiros e o ex-companheiro Marcos Araújo, presidente e CEO da AudioMix, está longe de chegar ao fim. Na manhã da última terça-feira (21), a irmã de Petála, Yanka, usou as redes sociais para compartilhar o momento do teste de DNA de Luquinhas, fruto da relação do ex-casal. No vídeo compartilhado no Instagram, ela ainda mostrou que Lívia Andrade compareceu ao local. 

No vídeo ela ironiza a presença de Lívia e comenta na legenda sobre a atitude do empresário de Alok e Gusttavo Lima. “Hoje foi o teste de DNA do Luquinhas (9 meses)  e olha quem acompanhou tudo do lado de fora junto do segurança do pai dele (meu ex cunhado) Livia Andrade, coitada, foi proibida de entrar? Bem a sua cara né? Marcos”, começou ela mencionando o perfil dele. 

Você é muito previsível, todo esse show, com mais de 4 seguranças armados intimidando eu, minha irmã Pétala e o luquinhas de 9 meses. No DNA do Lorenzo foi a mesma coisa,  ele levou a ex mulher, 3 advogados e 6 seguranças armados, sem contar a irmã dele… Como se ele precisasse… quem precisaria de proteção seria minha irmã né???? Mas você pode ter certeza que EU sempre estarei do lado da minha irmã! Te amo Pétala”, finaliza Yanka.