Fechar
Carreira Internacional

Ludmilla paga fortuna para aprender inglês nos Estados Unidos

Ludmilla já gastou cerca de R$ 82 mil reais com escola de língua estrangeira para aprender a falar inglês. Ela visa a carreira internacional

Aline TorresRepórter do EM OFF

A cantora Ludmilla está investindo na carreira internacional. A nova empreitada da funkeira é aprender a falar inglês e para isso, está passando um tempo em Los Angeles estudando em uma das melhores escolas de línguas para estrangeiros, a Kaplan High School. A vontade de aprender da artista não está custando nada barato.

Até o momento, Ludmilla já gastou em torno de 16 mil dólares, em valores atualizados, algo em cerca de R$ 82 mil. Segundo o colunista Leo Dias, do portal Metrópoles, a Kaplan é uma escola bastante conhecida entre estudantes internacionais, um dos motivos, é por causa de uma metodologia de ensino exclusiva.

O roteiro de estudo é feito de acordo com as necessidades que o aluno apresenta e conta com ensinamentos desde o tradicional, dentro da sala de aula, até combinação de experiência fora da sala de aula, mesclando com um periodo intensivo de estudos. A escola conta com pacotes que incluem até mesmo aulas de atuação.

Ludmilla está aproveitando para investir na carreira internacional já que os grandes shows ainda não estão autorizados a voltar, devido à pandemia pelo coronavírus. Ela acredita que tem grande potencial para criar uma carreira fora do Brasil e entende que, para isso, é necessário ter o conhecimento de uma língua estrangeira como o inglês.

Continua após a publicidade

Recentemente a cantora se viu envolvida em uma polêmica que envolveu MC Dricka e rapper internacional Cardi B. Dricka causou polêmica ao afirmar em uma entrevista que Cardi B recebe dinheiro para divulgar vídeos ouvindo músicas brasileiras. A rapper norte-americana se pronunciou no Twitter negando e explicou. Em seguida, Ludmillla se pronunciou defendendo Cardi B.

A fala de Dricka foi compartilhada pela própria cantora internacional, que em seguida revelou que a primeira música que ouviu foi “Onda Diferente”: “A primeira vez que ouvi funk foi quando um fã me marcou em um post de Onda Diferente”. Detalhe que os tweets feitos pela cantora americana, foram compartilhados em português.

“Eu comecei a ouvir as duas artistas [Anitta e Ludmilla] e quando a música acabou, embaralhou para outras músicas. Foi quando eu ouvi Kevin O Chris e tantos artistas diferentes”, disse ainda. “Não sei muito sobre funk e não falo português, mas o ritmo domina sua alma. Eu amo o funk“, finalizou a rapper Cardi B.

Ludmilla em seguida respondeu a rapper com elogio: “É por isso que eu amo a Cardi, não deixa passar nada”. Já preocupada em tornar a fala em polêmica, ela explicou: “Antes que isso vire uma bola de neve, porque já estou vendo uns querendo botar mulheres pretas para se estranharem, eu fiquei feliz por ela ter citado Onda Diferente como um dos primeiros funks que ela ouviu”, disse.

“Uma das maiores do mundo ama o funk do Brasil, isso é motivo para comemorar”, continuou a funkeira. “Só quem canta funk sabe o quanto o nosso som é marginalizado e rebaixado, não venham distorcer as coisas”, finalizou. MC Dricka se pronunciou também no Twitter: “Não desmereci meu funk! Pois com ele fui pra Times, me expressei de uma forma que muitos não entenderam! se não acontecem com todos “$$” dahora ! Mas comigo aconteceu obrigada de nada”, contou.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo