POLÊMICA!

Luisa Mell é detonada após fugir com cachorro da mulher da casa abandonada

Alguns internautas viram espetacularização na ação da ativista da causa animal, contra mulher da casa abandonada

Jean Telles
Repórter do EM OFF

Aconteceu nessa quarta-feira (20), uma ação de busca e apreensão da Polícia de São Paulo na mansão onde vive Margarida Bonetti. Para quem não sabe, ela ganhou repercussão nacional após o jornalista da “Folha de São Paulo”, Chico Felitti criar o podcast “A Mulher Da Casa Abandonada”, que revela, sobretudo, que a mulher misteriosa, fugiu dos Estados Unidos, sob acusação de escravizar uma senhora. 

Após o caso ganhar as redes sociais, muita curiosidade se formou em torno da vida e da residência de Margarida Bonetti que já passou a ser conhecida como “Mulher Da Casa Abandonada”, devido as condições precárias de sua moradia. Nessa quarta-feira (20), a polícia invadiu a casa de Margarida em uma grande operação que contou com helicópteros e cobertura em tempo real de programas policiais como, “Cidade Alerta”, da Record TV e “Brasil Urgente”, da Band. 

A ação também era acompanhada por grupo de populares que gritavam ferozmente palavras de ordem como “escravocrata”, contra Margarida. Quem também marcou presença na “ação social”, como batizada pelo delegado responsável pelo ato, foi a ativista e protetora dos animais Luisa Mell, após denúncias de que animais estariam sofrendo maus tratos no local. 

A apresentadora fez uma live em suas redes sociais que chegou a ser acompanhada por mais de 20 mil pessoas simultaneamente. Luísa Mell e sua equipe adentraram nas dependências da casa abandonada, mesmo sem autorização, e filmaram as dependências da mansão o que acabou incomodando Margarida que chegou a reclamar: “Quem é essa gente me filmando?”. 

Em determinado momento da ação, agentes encontraram um cachorro escondido na casa e entregaram a Luísa Mell, que imediatamente agarrou o animal o colocando em seu colo. Margarida esbravejou para cima da loira e tomou seu cachorro de volta. Logo após isso, um dos membros da equipe da protetora dos animais, conseguiu tomar novamente o cão e começou a ser agredido pela mulher da casa abandonada. Nesse momento, Luisa Mell pegou o cachorro e fugiu correndo do local, aos gritos de Margarida chamado por seu animal. 

Toda ação filmada e compartilhada por Luísa Mell publicamente, gerou polêmica na web e alguns internautas, viram espetacularização do caso, e detonaram a ativista da causa animal: “Agora a Luisa Mell tá dentro do terreno da casa da mulher abandonada. Que direito ela tem de fazer isso? Ela também tem mandado de busca? A velha que pague pelos crimes dela, se for ainda possível pagar. Mas nada justifica esse circo. Sério, que absurdo”, se indignou um internauta. 

“Parabéns Luisa Mell, conseguiu transformar um assunto de escravidão (seríssimo) em holofote para si. Nota 0!”, reclamou outro. “A galera fazendo da casa e da criminosa um espetáculo. Pessoal rindo, fazendo piada, Luisa Mell se aproveitando da causa de defesa animal pra exibir a casa, que merd*”, escreveu outro.