Fechar
Polêmica

Neymar defende criança que foi hostilizada por torcida do Santos

Um menino de 9 anos foi hostilizado pela torcida do Santos após ganhar uma camisa do jogador do Palmeiras

Nayara VieiraRepórter do EM OFF

Parece até mentira, mas não é. Alguns torcedores do Santos hostilizaram e até ameaçaram uma criança por ter interagido com um jogador do Palmeiras. Juninho, um menino de 9 anos, foi criticado depois que ganhou de presente uma camiseta do time rival. Porém, a coisa ficou séria, e o garoto até apareceu em vídeo nas redes sociais para se desculpar. Diante desta situação considerada absurda pelos internautas, até o craque Neymar Jr apareceu para defender o menino em seu Instagram, nesta terça-feira (09).

“Desculpa se alguém se ofendeu porque eu peguei a camisa do Jailson, é que eu gosto muito dele, e eu gosto do Everton porque ele é da Seleção Brasileira. Eu não sou palmeirense, eu sou santista. […] Me perdoa se alguém se ofendeu, eu não quis pegar a camisa do Jaison pra ofender, foi ao contrário”, disse o menino, no vídeo. A criança revelou que estava sendo atacada por mensagens nas redes sociais.

“Tem muita gente me xingando mais desculpa. Deus abençoe eu torço por santos, eu devolvo a camisa pra ele pra não me baterem nos jogos”, escreveu ele, que mostrou estar com medo de ser violentado por causa do presente que ganhou de um jogador do time rival. Após essa repercussão, a própria equipe do Santos se pronunciou e pediu desculpas pelo transtorno que os torcedores causaram na vida de Bruninho.

“Bruninho, você não precisa se desculpar por nada. Nós que devemos desculpas a você. Prometemos corrigir essa situação da melhor maneira possível. Nunca se esqueça que, independente da situação,  Santos FC sempre estará ao seu lado”, escreveram, se desculpando com a criança. O perfil do Brasileirão também comentou: “Fica bem, Bruninho! Estamos todos contigo! Você representa demais o nosso futebol!”.

Continua após a publicidade

Sabendo da polêmica, Neymar Jr se pronunciou em seus stories do Instagram, revoltado com o que tinha visto. “Bruninho você é gigante menino. Que personalidade de fazer esse vídeo. Coisa que nenhum babaca que te xingou tem coragem de meter a cara! Onde vamos parar? Cadê esses bonitões metido a malandrão… É uma criança, uma criança que é fã do rival, que problema nisso?”, começou o craque. 

“O mundo tá ficando maluco, as pessoas estão perdendo a noção  do que Jesus já disse ‘ame ao próximo’… que tristeza ver esse vídeo escutar a voz dele pedindo desculpa e que queria devolver a camisa para que não falem nada com ele! que triste,que tristeza. Que Deus nos abençoe e proteja”, completou o jogador do PSG (Paris Saint Germain).

Ainda no vídeo, Neymar comentou na publicação do menino. Bruninho, você pode gostar de quem você quiser! Independente do time que você torça! Abraço menino, viva teu sonho”, vários internautas elogiaram a atitude de Neymar em apoiar o garoto que provou ser apaixonado por futebol. Além dele, outros perfis do futebol Brasieiro e jogadores defenderam Bruninho.

O jogador do Flamengo, Gabigol, também deu apoio ao garoto e prometou dar uma camisa do rubro-negro para o menino. “Bruninho! Vou te mandar minha camisa! Você pode torcer pra quem quiser”, afirmou. Ele ainda destacou que “o amor pelo futebol pode ser maior que qualquer rivalidade”.

Assita:

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff

Tags Relacionadas: