Fechar

Polícia confirma sangue e esperma em roupas de jovem que acusa vocalista do Molejo de estupro

Anderson declarou que a relação entre os dois foi consensual

REDAÇÃO do EM OFF

Segundo o jornal O Dia, a Polícia Civil do Rio confirmou na tarde desta segunda-feira (8/2), que encontrou sangue e esperma nas roupas de Maycon Douglas Pinto do Nascimento Adão, de 21 anos, conhecido como MC Maylon.

O cantor e dançarino acusou o vocalista do grupo Molejo, Anderson Leonardo, de estupro. Relembre o caso.

De acordo com a denúncia o crime teria ocorrido no mês de dezembro, 2020. O Mc afirma que Anderson supostamente teria marcado uma reunião, mas em vez de ir para algum local onde os dois pudessem fazer uma refeição e conversar sobre trabalho, o cantor o teria o levado para um motel chamado Queen, em Sulacap, na Zona Oeste do Rio.

Segundo o delegado Reginaldo Guilherme, titular da 33ª DP (Realengo), funcionários do motel Queen vão prestar depoimento nesta terça-feira (9). A expectativa é que o gerente do estabelecimento entregue a polícia as imagens de câmeras de segurança do local.

Continua após a publicidade