Fechar
INSTAGRAM

Pyong Lee chora e pede perdão à ex-esposa em retorno às redes sociais

Após supostas traições, ex-marido de Sammy Lee voltou às redes sociais e desabafou

Augusto ViannaRepórter do EM OFF

O influenciador Pyong Lee se envolveu em diversas polêmicas nos últimos meses por conta das participações em reality shows. O mágico acabou se afastando das redes sociais depois que a ex-esposa, Sammy Lee, descobriu sobre as traições que ele cometia enquanto era casado. No programa Ilha Record, ele acabou sendo acusado de trair a esposa com Antonella Avellaneda no confinamento.

Na tarde desta sexta-feira (15), ele voltou às redes e leu uma carta aberta ao público. “Esses últimos dias têm sido de muita reflexão pra mim. Escrevi uma carta e quero compartilhar com vocês. Quase 100 dias longe das redes e 2400 horas. Pela primeira vez na vida, tive coragem de me confrontar, de me enxergar sem filtro, opiniões externas, sem ego ou qualquer tipo de esperança. Apenas eu! O mais verdadeiro e profundo eu”, começou ele.

Ele segue a leitura da carta e narra os momentos difíceis que viveu. “Com tudo o que já vivi de bom e ruim. Meus traumas e minhas experiências que sou conseguiria conhecer tão bem. É muito difícil reconhecer que temos um problema. A nossa própria mente não nos deixa enxergar. As vezes, quando conseguimos ver. Já é tarde demais”, desabafou Pyong.

Na sequência, ele conta sobre o abandono da mãe e a morte do pai. “Minha mãe me abandonou quando eu tinha 9 anos. Meu pai se afundou na depressão e eu o perdi aos meus 12 anos. A história é longa, mas o resultado o Brasil inteiro conheceu: o lado bom e o lado ruim. Eu pensei por muito tempo saber lidar bem com pessoas próximas e minha mente me enganava“.

Continua após a publicidade

Existia um bloqueio. Nada justifica o homem que eu já fui e que era totalmente entregue a uma existência perdida. Nesses dias eu me conheci pela primeira vez. Eu me vi como jamais tinha visto e enxerguei o que jamais havia enxergado. Doeu e me entristeceu ver quem eu era e pra onde tudo aquilo estava me levando”, continua o ex-participante do Ilha Record.

Pyong Lee cita Deus e pede perdão à Sammy Lee. “Esse processo doloroso foi acompanhado por profissionais e líderes. Mas foi principalmente por Deus. O espírito santo não soltou a minha mão por um só segundo. Foi doloroso e assustador. Eu me libertei, renasci, e encontrei a minha identidade. Me reconheço como filho de Deus e abomino quem já fui. Eu decidi ter a hombridade de vir aqui nas redes pedir perdão para a mulher mais incrível que já conheci na vida” .

Em seguida, Pyong Lee começa a chorar e falar sobre a mãe de seu filho: “Em 2400 horas, não existiu um segundo onde eu não me arrependi profundamente de ter aberto uma ferida em seu coração esse que é mais companheiro, verdadeiro e fiel, que eu já conheci em toda a minha vida. O coração mais puro e singelo. Sammy, quem me dera ter percebido antes o verdadeiro valor da vida”. 

Ele pede perdão ao filho de apenas 1 ano. “Quem me dera se eu pudesse acordar todos os dias ao seu lado. Ver seu sorriso e o de nosso filho enquanto você abre a janela e o sol entra em nosso lar. Eu peço perdão por não ter sido o melhor 1% do homem que você merece. Eu quero pedir perdão também para o meu filho Jake que apesar de não entender agora, ele teve uma parte de sua vida escrita por causa das minhas escolhas e atitudes horríveis”.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff