Fechar
Desabafou

Rafa Kalimann debocha de críticas e manda indireta após publicação polêmica

A influenciadora não se calou após receber dezenas de críticas sobre as postagens que fez sobre a guerra na Ucrânia

Aline TorresRepórter do EM OFF

Após fazer uma série de postagens no Twitter falando sobre os supostos motivos da guerra entre Ucrânia e Rússia, a influenciadora Rafa Kalimann recebeu uma enxurrada de críticas por causa de seu posicionamento. No entanto, a influenciadora decidiu não se calar e respondeu os comentários maldosos através de uma série de vídeos publicados nos stories do Instagram.

A ex-BBB20 quis deixar bem claro que o que ela postou não foi nada criado como opinião pessoal, mas sim, informações que ela juntou de veículos confiáveis que compartilharam conhecimento sobre a guerra. Ao completar sua fala, Rafa foi debochada e mandou os internautas críticos “catarem coquinho”, além de pedir que eles focassem em ajudar as pessoas que estão precisando.

“Ao contrário do que muitas pessoas chegaram a afirmar, eu não emiti uma opinião, eu apenas compilei algumas informações que eu li em vários veículos de informação hoje pela manhã e decidi compartilhar com aqueles, que assim como eu, também estão assustados, também não entendem o que está se passando”, disse no primeiro trecho das publicações.

“Foi por isso que inclusive, no começo do texto, eu falei para que as pessoas pesquisassem sobre, para que as pessoas fossem de fato entender do que se trata. A gente tá falando de uma guerra, de algo que é muito graves, num momento que já é muito conturbado. O que mais me surpreende nessa história, é que no meio de tanta coisa ruim, com tanta atrocidade acontecendo, com o governo do nosso país do jeito que tá, as pessoas fazendo mal umas pras outras, as pessoas estão mais preocupadas com a minha ‘autoridade’, ou a falta dela”, continuou.

Continua após a publicidade

“Havia imprecisão nas minhas palavras? É possível que sim, assim como tem imprecisão todos os dias em vários veículos de comunicação, com diferentes opiniões, diferentes especialistas, na internet o tempo todo, eu não sou expert em geopolítica, eu nunca pretendi me colocar nesse lugar. Na real, vão catar coquinho, vão cuidar da vida de vocês. Ou melhor, usem toda essa energia pra gente emanar pra todas as pessoas de lá que estão precisando muito da gente agora”, completou Rafa.

Entenda

A influenciadora Rafa Kalimann decidiu falar sobre a situação da guerra instaurada entre a Rússia e Ucrânia. A partir da explicação da apresentadora sobre o suposto motivo do conflito entre os dois países europeus, alguns internautas discordaram das palavras de Rafa e passaram a criticá-la no Twitter.

A youtuber fez um resumo tachado de “equivocado” e postou em uma sequencia de publicações na rede social. No entanto, a intenção de falar sobre o assunto sem ser uma especialista gerou críticas entre os internautas. Ainda na primeira publicação, ela pediu para que a informassem caso houvesse alguma informação incorreta:

“Vou tentar resumir pra vocês sobre a Rússia e a Ucrânia: *o que eu entendo sobre, se tiver alguma ponto de equívoco, me falem. E por favor pesquisem pra aprofundar, é só um resumo pessoal”, começou. “Existe a organização que os EUA e muitos países fazem parte que é a OTAN e existiu a URSS que a Rússia fazia parte. Com o tempo a OTAN se mostrou mais eficiente do que a URSS que foi rompida com o fim da guerra fria e muitos países começaram a formar aliança com a OTAN”, explicou.

“Mas a Ucrânia que se tornou independente há apenas 30 anos, não. E desde então existe uma indecisão se ela se torna mais próxima da Rússia ou da OTAN (lado dos EUA) onde ela demonstrou ter uma tendência maior nos últimos anos e pra Rússia isso não é nada bom”, disse ainda continuando. “Acontece a Rússia ainda vê a Ucrânia como “parte deles”. Importante frisar que antes a capital da Rússia era Kiev, que hoje é a capital da Ucrânia, tem muitas questões culturais envolvidas, famílias formadas por ucranianos e russos por exemplo”, relatou a influenciadora.

Em seguida, Rafa Kalimann finalizou o assunto com a última publicação: “O x da questão é que a Rússia não quer um vizinho convertido ao ocidente, um vizinho inscrito na Otan, eles querem preservar sua influência sobre uma área que já foi a cabeça da União Soviética. Tem a ver com laços culturais, mas sobretudo com laços políticos”, completou a ex-BBB20.

Rússia X Ucrânia

A Rússia declarou guerra contra a Ucrânia na madrugada desta quinta-feira (24). O professor aposentado de história contemporânea da Universidade de Brasília (UNB), Antônio Barbosa, explicou que o conflito no leste europeu envolve política internacional, geopolítica e econômica.

“É uma questão basicamente de geopolítica, mexendo com o tabuleiro de xadrez da política internacional. É como se fosse um triângulo com três vértices: de um lado a Rússia, do outro lado os Estados Unidos e o terceiro vértice seria a Europa propriamente dita. E, no meio de toda esta confusão, está um país relativamente pequeno, que é a Ucrânia”, explicou.

O professor ainda falou do interesse do presidente russo, Vladmir Putin, em mostrar que o país europeu é uma potência mundial desde o fim da União Soviética, em 1991: “Putin está conseguindo mostrar que, apesar de a União Soviética não existir mais, de ter perdido o controle sobre os países do Leste Europeu, a Rússia continua sendo uma grande potência, inclusive mantendo intacto o seu arsenal nuclear”.