Confira

Saiba quanto as cantoras gospel faturam com publicidades

Diferente da maior parte dos artistas, os cantores cristãos tem uma resistência quando o assunto é publicidade

Nayara Vieira
Repórter do EM OFF

Diferente da maior parte dos artistas, os cantores cristãos tem uma resistência quando o assunto é publicidade. Não são todos que topam fazer parcerias com marcas, sendo mais seletivos nesse quesito. No gospel, alguns cristãos condenam ganhar dinheiro com publis nas redes sociais.

Com 30 anos de carreira, Aline Barros é um dos principais nomes da música gospel. As divulgações da famosa chegam até R$40 mil por uma publi no Instagram que tem 7,1 milhões de seguidores, sendo uma das que mais cobra. Além de cantora, ela é empresária e tem a própria linha de roupas femininas voltadas para seu público. As informações são do portal Metrópoles.

Mais reservada, Cassiane não realiza publis, mas vende mentoria. A cantora carioca tem 4 milhões de seguidores no Instagram. Já Eliane Martins, com 3,5 milhões, pede R$5 mil por publi. Outra artista de sucesso é a cantora Gabriela Rocha, que começou no programa Raul Gil. Ela quase não realiza publicidade no seu perfil que tem 7 milhões de fãs. Isadora Pompeo, que atrai o público mais jovem, não tem o costume de realizar esse tipo de trabalho.

Uma polêmica recente apareceu após a Globo anunciar a estreia de uma novela para se aproximar do público evangélico. Vai na Fé, folhetim que vai substituir Cara e Coragem, terá uma protagonista evangélica, Sheron Menezzes dará vida à personagem. No entanto, artistas do meio gospel já não querem liberar suas músicas para a emissora. Segundo o Metrópoles, Aline Barros e Bruna Karla têm se unido para esse boicote. De acordo com fontes da reportagem, praticantes da religião acreditam que as novelas com esse tema na Globo são apenas para “chacota com os evangélicos”.