Fechar
FOI PARAR NA JUSTIÇA

Sikêra Jr. recebe 17 denúncias diferentes no Ministério Público Federal

Sikêra Jr. se envolveu em polêmica após detonar homossexuais em jornal ao vivo. O apresentador da RedeTV! está sendo processado

Adriel MarquesRepórter do EM OFF

O Ministério Público Federal recebeu 17 denúncias diferentes contra Sikêra Jr. O jornalista que comanda o Alerta Nacional, transmitido pela RedeTV!, já recebeu após falas preconceituosas diversas representações embasando a ação civil pública.

De acordo com Caio Barbieri, do Metrópoles, a informação consta no despacho do Núcleo Criminal (Nucrim) da Procuradoria da República no Amazonas. O jornalístico de Sikêra Jr. na tevê aberta, também perdeu diversos patrocinadores após um discurso homofóbico realizado ao vivo.

O apresentador Sikêra Jr. chegou a relacionar os homossexuais com pedofilia, uso de drogas e prática de crimes. MRV, Caixa Econômica Federal e TIM Brasil foram algumas das grandes marcas que se desassociaram do programa e emitiram comunicado oficial, após a prática de homofobia em rede nacional.

Filipe Pessoa de Lucena, coordenador criminal do núcleo e procurador, informou ao ativista de direitos humanos Antônio Isuperio: “Diversas outras representações aportaram no Nucrim (17, no total) e, por versarem sobre o mesmo objeto, foram juntadas ao expediente em análise por economia e eficiência processual”. Segundo o Metrópoles, Antônio também é um dos autores das denúncias.

Continua após a publicidade

Dentro da ação civil pública outro caso chama atenção, além da indenização existe também a questão da exclusão do programa na íntegra de todas as redes sociais, sites e a retratação da emissora e do apresentador Sikêra Jr. no mesmo horário e meios veiculados.

Por meio de uma nota oficial, a emissora chegou a se pronunciar por meio do comunicado: “A RedeTV! ressalta que tal comportamento não representa, de forma alguma, o posicionamento e o respeito da emissora à diversidade e à população LGBTQIA+”. 

O canal se desculpou e fez a defesa de Sikêra Jr., entretanto, não tirou o jornalista do ar e o caso se encerrou apenas com um lamento: “No caso do lamentável episódio envolvendo o apresentador Sikêra Jr. às vésperas do Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, o mesmo desculpou-se publicamente durante o programa da última terça-feira, reconhecendo o equívoco de suas declarações perante a todos que se sentiram justificadamente ofendidos e a todos os seus telespectadores, o que certamente servirá para o seu aprimoramento pessoal e profissional”.

O apresentador da RedeTV!, Sikêra Jr. chegou a xingar os homossexuais ao vivo, durante o Alerta Nacional disparou: ”Raça desgraçada”, assustando os telespectadores com tamanha ira e falta de respeito ao próximo. Não é a primeira vez que o jornalista se envolve em polêmicas do tipo.