Fechar
'FAKE NEWS'

Site diz que Neymar traiu Bruna Biancardi e jogador se pronuncia

Rumor que circula nas redes sociais diz que Neymar traiu Bruna Biancardi em festa de jogador de futebol

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

O jogador de futebol Neymar, que atua no time europeu Paris Saint-Germain e também na Seleção Brasileira Masculina, teria traído a namorada, a influenciadora e modelo Bruna Biancardi, numa festa de aniversário organizada pelo companheiro de seleção, Vinícius Júnior. Após a divulgação da informação, o jogador usou as redes sociais para desmentir a suposta traição.

O alvoroço começou depois que o perfil de fofocas “Segue a Cami”, no Instagram, publicou uma nota dizendo que Neymar compareceu a festa organizada por Vinícius Júnior, o “Carnaval do Vini”, no Rio de Janeiro. Segundo o perfil, Neymar foi visto “soltinho” no evento. Desacompanhado, a nota afirma que o atleta do PSG teria beijado várias mulheres, incluindo a influenciadora Nathalia Castro.

No início da tarde desta quinta-feira (23), Neymar resolveu debochar da nota publicada nas redes sociais e disse que tudo não passa de boato. “Alô fake news! Aqui pra você, muito sol, muita paz, muito amor. Valeu”, publicou o atacante da Seleção Brasileira em seu perfil do Instagram, enquanto caminha próximo à uma piscina.

A festa de aniversário de Vinícius Júnior deve durar três dias, de acordo com o jornal Extra. Para comemorar seus 22 anos, o jogador de futebol convidou amigos e familiares. O primeiro dia de festa, nesta quarta-feira (22), contou com show de Leo Santana e a presença ilustre de Neymar. O “Carna Vini” acontece num sítio em Cachoeira de Macacu, na cidade serrana do Rio de Janeiro.

Continua após a publicidade

A programação segue até sexta-feira com shows de Ludmilla, Thiaguinho e Caju pra Baixo. Ainda segundo o Extra, o local é o mesmo que o jogador do Real Madrid alugou ano passado para sua festa de aniversário em julho. O evento durou quatro dias e já está virando tradição. A propriedade em Papucaia, distrito de Macacu, pertence a um político da cidade.

Publicação que deu origem ao boato (Reprodução)