Fechar
Revoltada

Solange Gomes detona Karol Conká: ‘Rejeitada’

Solange Gomes deu uma resposta após o comentário da cantora que saiu com rejeição do Big Brother Brasil

Nayara VieiraRepórter do EM OFF

Karol Conká polemizou após criticar o reality show ‘A Fazenda’. Isso aconteceu depois que a artista foi questionada se participaria de outro reality e se aceitaria entrar para o programa da Record TV. Sem deixar barato, a ex-A Fazenda, Solange Gomes, deu uma resposta para o comentário da cantora que saiu com a maior rejeição da história do Big Brother Brasil.

Durante o programa Chupim Metropolitana, a famosa disse que jamais entraria no reality. “Acho que não [aceitaria participar]. Eu ia me estressar um pouco”, afirmou. Para a ex-BBB, Karol Conká o programa é uma “baixaria” e ela não se encaixaria neste perfil de reality e que não se considera barraqueira.

“Talvez até fosse tranquilo [pelos bichos], mas é muita baixaria, eu não me encaixo, as pessoas acham que eu sou barraqueira, mas eu não sou, eu fui explosiva. Hoje eu controlo mais a minha animosidade”, completou Karol. Em resposta, Solange Gomes se mostrou revoltada e detonou a intérprete de “Dilúvio”.

É sobre isso. Respondo a “bichaaaa ? Ou não?”, provocou a ex-Banheira do Gugu ao compartilhar uma imagem da entrevista de Karol. Sem paciência, Solange reagiu à fala de Conká no Twitter. “Sra Karol Conka. Dizer que A Fazenda é muita baixaria? A maior baixaria é ser ELIMINADA, ops REJEITADA com 99,17%. Nem a Globo conseguiu  te salvar depois, bichaaa. Ass: Solange, finalista A Fazenda13”, escreveu.

Continua após a publicidade

A eliminação de Karol Conká no BBB21 marcou a edição. Quando o programa ainda era comandado por Tiago Leifert, o apresentador anunciou a saída com rejeição de 99,17% dos votos do público. Na época, a famosa precisou de ajuda profissional e dos familiares para conseguir prosseguir com sua vida.

Em uma entrevista para o Podpah, no Youtube, alguns meses após o BBB, Conká detalhou um pouco dos momentos difíceis que passou. “Saí taxada como psicopata. Foi bem ruim, foi péssimo. Acho que uma das piores dores que eu já tive na minha vida. A primeira foi perder meu pai, depois foi essa. Veio a dor da rejeição em massa, a minha decepção comigo mesma, ver as pessoas que eu gosto sendo atacadas, foi um misto”, contou.

“Eu pensei muito, vi que eu machuco com palavras. Me machuca também, porque depois passa e eu fico mal. Eu acho que estava com raiva, com cólera, raiva de tudo e aí eu joguei e voltou porque eu dei motivos, né?”, disse Karol. Porém, para a rapper, as pessoas passaram dos limites com ela, que sofreu ameaças e precisou se afastar das redes sociais por um período.

“Acho que passaram dos limites. Mesmo quando eram racistas ou machistas, eu achava que estavam certos porque eu dei motivo. Comecei a não querer sair da cama. Chegou a um ponto que eu não falava com ninguém. Queria sumir do mundo para sempre”, completou. Apesar da rejeição, ela conseguiu se reerguer e voltou aos palcos.