Fechar
META ALCANÇADA

Vaquinha para ajudar vítima de acidente causado por Luísa Mell bate meta

Até a manhã desta segunda-feira, quase 600 pessoas contribuíram na arrecadação organizada pela família

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

O EM OFF tem acompanhado nas últimas semanas a história de Bruna da Silva Viana, de 30 anos. Em 2008, ela foi vítima de um acidente de trânsito em São Paulo enquanto estava na garupa de uma moto pilotada pelo então noivo, Marcelo Freitas. A motocicleta foi fechado pela apresentadora Luísa Mell e bateu num poste. Há 13 anos, Bruna está em estado vegetativo, sem andar ou falar.

Com a falta de ajuda financeira e apoio da famosa ativista pelos direitos dos animais, a família de Bruna resolveu pedir a colaboração de internautas e criar uma vaquinha online para custear a alimentação e as demais necessidades básicas da moça. Neste fim de semana, a arrecadação organizada pela internet bateu a meta estabelecida pelos familiares de Bruna, que era de R$ 50 mil.

Na manhã desta segunda-feira (18), a vaquinha online de Bruna somava R$ 50.575,41. Ao todo, 593 pessoas colaboraram com a arrecadação. De acordo com a família de Bruna, o dinheiro será utilizado para a compra de alimentos, já que a vítima se alimenta apenas por uma sonda e requer uma dieta especial, e também de fraldas, já que Bruna não consegue usar o banheiro.

Relembre

Na madrugada do dia 29 de junho de 2008, a apresentadora Luísa Mell dirigia seu veículo de luxo, um Mitsubishi Pajero, pela Avenida Francisco Morato, em São Paulo. Ela seguia para a casa de amigos e, por volta das 3h20, fez uma conversão à esquerda para acessar a Avenida Jorge João Saad. Com isso, ela acabou fechando uma motocicleta com dois ocupantes. A motocicleta perdeu o controle e bateu num poste.

Continua após a publicidade

Após a moto pilotada por Marcelo colidir com a estrutura, Bruna foi arremessada do veículo vários metros adiante. Os dois foram levados ao Hospital das Clínicas, na Zona Oeste da capital paulista. Marcelo passou por uma cirurgia ortopédica e teve alta semanas depois, mas Bruna ficou internada em estado grave. Hoje, Bruna vive em estado vegetativo e precisa do amparo integral dos familiares. Ela não anda, não fala, enxerga de apenas um olho e se alimenta por uma sonda.

A família, que mora em Embu das Artes, município da Região Metropolitana de São Paulo, comentou que Luísa Mell chegou a ajudar Bruna na época, mas que há pelo menos 11 anos não dava nenhum tipo de apoio. “Ela deu uma ajuda na época, mas depois nunca mais nem mandou mensagem, acho que ela nem sabe que minha filha tá viva”, disse ao EM OFF dona Maria, mãe da vítima.

Voltou atrás

Após a publicação da história pelo EM OFF, a apresentadora Luísa Mell resolveu se pronunciar nas redes sociais. No Instagram, ela disse que a experiência do acidente foi “terrível” e que ajudou “por algum tempo fora na Justiça”. “Depois, na Justiça, eu paguei tudo o que eu devia. Mesmo depois do acordo na Justiça, onde eu não devo mais nada, não teve um ano que eu não doei dinheiro pra essa família (…) E eu posso, sim, provar todas as doações que eu fiz”, disse.

A família de Bruna Viana desmentiu a ativista. Em tom de revolta, o pai da vítima, Francisco Viana, afirmou que Luísa Mell não ajuda a família há 11 anos: “Ela [Luísa] falou no vídeo que nunca passou um ano sem ajudar a família. É mentira! A última vez que ela falou com a gente foi em 2010, há 11 anos”. No acidente, Luísa Mell não se feriu, mas disse, na época, que ficou muito abalada.

O EM OFF apurou no entanto que, após o desabafo publicado nas redes sociais, a apresentadora voltou atrás e se comoveu com a situação de Bruna. A ativista da causa animal enviou dois representantes até a casa da família e ofereceu todo o suporte necessário para Bruna, como ajuda financeira e atendimento home care. A família disse que aceitaria a ajuda da ativista, mas por receio, pediu a presença de um advogado.

Em seguida, Luísa Mell ainda culpou ex-marido, o empresário Gilberto Zaborowsky, pela falta de apoio à Bruna. Segundo apurado, os funcionários enviados à casa da família afirmaram que a apresentadora e ativista não sabia que a vítima não estava recebendo ajuda. Segundo eles, a famosa disse que tinha designado o pagamento das necessidades de Bruna a Gilberto e não sabia que os valores não estavam sendo repassados.

Arrecadação virtual alcançou a meta estabelecida (Reprodução)

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff