Fechar
HOMOFOBIA

Vitão é alvo de ataques homofóbicos após dizer que está ‘redescobrindo’ sexualidade

O ator está sendo alvo de críticas e piadas após dizer estar redescobrindo sexualidade

Hanna HaikaRepórter do EM OFF

O cantor Vitão está passando por novas fases. E pretende encerrar um ciclo em sua vida após sua nova canção “Declaração”. O artista esteve envolvido em diversas polêmicas nos últimos anos, sendo a maior e mais pesada delas, o relacionamento repentino com Luísa Sonza, logo após a separação da cantora com o humorista Whindersson Nunes.

Depois de passar por momentos em que teve que se reconectar consigo mesmo, aos fãs e sua arte, o cantor decidiu voltar e revisar até mesmo sua sexualidade. Em entrevista à revista GQ, o artista contou um pouco sobre estar redescobrindo sua orientação sexual.

“Não sei exatamente onde me encaixo. Até então sempre me vi como um homem hétero, sempre gostei de mulheres, mas cada vez mais entendo que talvez sexo seja mais do que apenas isso”, começou Vitão. “Tenho me entendido de outras formas, me relacionado com pessoas diferentes e é muito disso. Estou namorando comigo mesmo, um momento de autoconhecimento”, contou.

O artista quer aproveitar o momento de descobertas sobre sua sexualidade para refletir na música as novas sensações. Ele prepara um álbum para os próximos meses e quer que tudo esteja lá: “Produzir as minhas próprias músicas têm me dado uma liberdade de ser e crescer dentro das minhas ideias. Depois disso vão vir coisas novas e inesperadas”, finalizou.

Continua após a publicidade

Repercussão

Após revelar estar descobrindo sua sexualidade, Vitão foi alvo de diversas críticas nas redes sociais, incluindo comentários homofóbicos. “Ficou com a Luísa Sonza querendo ficar com o Whindersson”, comentou um usuário. “Vitao não se vê mais hétero, jura? Kkkkkkkkk nunca desconfiei”, debochou outra internauta. “Ele está tentando dizer que está dando a bunda?”, ironizou outro usuário.

Como lidou com os ataques

Em entrevista ao Gshow, Vitão revelou como lidou com os diversos ataques nos últimos dois anos da sua vida, e falou sobre novas descobertas, pressão da indústria da música e como isso está atravessando sua vida e trabalho.

“Esses últimos dois anos da minha vida com toda a crise de polêmica e enxurrada de ódio na internet […] eu passei a me ver de uma forma muito deturpada, passei a me enxergar de outra forma”, desabafou. “Eu passei a me desvalorizar com muita intensidade pelo fato das pessoas do externo me desvalorizarem”, revelou o artista.

O artista revela que durante o período conturbado passou a não entender o valor do trabalho e da sua carreira. “Chegou um momento onde eu não sabia mais quem eu era”, afirmou. A superação veio por meio de autoconhecimento a partir de terapias e a troca com artistas mais experientes como Toni Garrido e Rael.

“É um artista excepcionalmente maravilhoso e que é um cara que vive muito disso também”, fala sobre Toni. “Eu comecei a me deparar com os meus próprios demônios […] vivendo um novo momento de mudanças internas e na minha carreira”, pontuou.

Tags Relacionadas: