Fechar
LUTO

Vocalista da banda Calcinha Preta é assassinado

Músico, que atuou na banda na década de 1990, foi morto com golpes de faca

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

O músico José Aparecido da Silva, conhecido artisticamente como Sidney Chuchu, foi assassinado nesta quinta-feira (04). O artista atuou como vocalista da banda de forró Calcinha Preta na década de 1990. O grupo, por meio de nota, lamentou o ocorrido. De acordo com o jornal A Tarde, ele foi morto dentro de casa, na cidade de Nossa Senhora do Socorro, na Grande Aracaju, em Sergipe.

A banda publicou, por meio das redes sociais, uma nota de pesar. “Hoje toda a família Calcinha Preta está de luto! É com grande tristeza e pesar que recebemos a notícia do falecimento de José Aparecido da Silva, o nosso querido Sidney Chuchu, que foi o nosso primeiro vocalista e ficou à frente da Banda Calcinha Preta no período de 1995 a 1998, tendo emplacado sucessos como o hit ‘Onde o Sonho Mora'”, diz um trecho da nota.

“A família Calcinha Preta deseja seus sinceros sentimentos aos familiares, amigos e fãs do saudoso Sidney Chuchu. Descanse em paz Sidney Chuchu, infelizmente, você nos deixou precocemente, e vai deixar muita saudade, mas, estará para sempre na história da Banda Calcinha Preta e em nossos corações”, ressalta a declaração da banda, postada no Instagram oficial do grupo.

Segundo a imprensa local, vizinhos disseram à polícia que ouviram gritos vindo da casa do artista, que tinha 57 anos. Atualmente, ele vivia com o cachê recebido em apresentações em bares da região. O Instituto de Criminalistíca foi acionado e identificou marcas de golpes de faca no corpo do cantor. O DHPP (Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa) vai investigar a autoria e a motivação do crime.

Continua após a publicidade

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, uma testemunha chegou na casa e encontrou a Sidney no chão, já sem vida. O sepultamento foi realizado no final da manhã do Cemitério de Nossa Senhora do Socorro. Até o momento ninguém foi preso e informações sobre suspeitos podem ser encaminhadas ao Disque-Denúncia através do telefone 181.

Sidney foi o primeiro vocalista da banda e participou da gravação de quatro discos. Marlus Viana, também ex-vocalista do grupo musical, lamentou a morte do colega. “Eu te levo para onde o sonho mora”, citou o músico, em referência à música “Onde o sonho mora”, sucesso do Calcinha Preta gravado na voz de Sidney. “Vai com Deus, Chuchu. É como você era conhecido entre a gente”, completou.

Nas redes sociais, fãs lamentaram a morte do artista. “Hoje moro no Amapá… mas aquele show em gravata ficou marcado, Sidney representou.. Descanse em paz!”, disse um fã. “Que Deus conforte o coração de todos os familiares e amigos”, ressaltou outro. “Que Deus o tenha”, lamentou um seguidor na publicação feita pela banda no perfil do Instagram.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff