Fechar
Desabafou

Yasmin Brunet desabafa sobre ‘romantização familiar’ após polêmicas

Yasmin Brunet fez desabafo sobre romantização dos relacionamentos familiares e usou como exemplo o caso do menino Henry

Aline TorresRepórter do EM OFF

Yasmin Brunet desabafou nas redes sociais na manhã desta terça-feira (26). O motivo foi o descontentamento da modelo com o caso do menino Henry. A esposa de Gabriel Medina afirmou que a sociedade brasileira tem que parar de romantizar as relações familiares por causa de caso de pessoas que podem ter problemas mentais e que por causa disso, supostamente poderiam fazer mal a um filho.

A modelo fez uma série de publicações com textos falando sobre a romantização dos relacionamentos familiares colocando as palavras em cima de um print sobre uma matéria recente sobre a morte do menino Henry, caso que ficou famoso após a descoberta da causa do falecimento da criança, que envolveu padrasto e mãe do garotinho de apenas quatro anos.

“O brasileiro tem que parar urgentemente de romantizar relacionamentos familiares. Não existe “mãe é mãe”. Só porque você deu a vida a uma pessoa, não te dá o direito de fazer o que quiser , muito menos tirar essa vida”, começou a modelo em uma das postagens feitas nos stories do Instagram de seu perfil.

“Por causa dessa romantização de relacionamentos familiares, crianças morrem na mão dessas “mães” e elas ainda tem essa carta branca. Ninguém nem ouve a criança. Temos que proteger e não assumir o que é ou não é. Acredite na criança que falar pra você que está sofrendo abuso em casa”, disse ainda a filha da Top Model Luíza Brunet, que ainda continuou com o desabafo.

Continua após a publicidade

“Pessoas com distúrbios sérios também tem filhos. Não esqueçam disso. Inclusive eu acho que umas das coisas masi importantes a se ensinar nas escolas seria como lidar e reconhecer esses comportamentos em geral nas pessoas. Os distúrbios de personalidade principalmente. São coisas seríssimas que você infelizmente vai acabar lidando na sua vida seja com parceiros, amorosos, amigos, chefes de trabalho, etc… Você não tem que aceitar jamais nenhum a tipo de abuso ou falta de respeito”, finalizou a modelo.

O desabafo vem logo após toda a briga familiar que gira em torno da família Medina, principalmente entre a matriarca, Simone Medina e os filhos, Lucas e Gabriel Medina. Abriga acabou se estendendo às duas noras de Simone, que supostamente chegou a expulsar filho e nora de casa em Maresias no litoral e São Paulo e mais recentemente, através de prints divulgados, afirmou ter vídeos íntimos de Yasmin.

Caso Menino Henry

O caso da morte do menino Henry retornou à mídia nessa terça-feira (26), após o G1 divulgar vídeos em que mostram imagens do Padrasto, Dr. Jairinho e da mãe, Monique Medeiros, pegando o elevador do prédio em que moravam, a caminho do hospital na madrugada de 8 de março, data da morte do pequeno Henry de apenas quatro anos. No vídeo aparece o padrasto assoprando na boca do menino, o que significa que ele foi levado vivo para o hospital.

A polícia trabalha com a hipótese de que Henry faleceu após sofrer extrema violência, ocasionado pelo padrasto, Dr. Jairinho. Segundo o laudo de necrópsia, o menino sofreu 23 lesões, como, por exemplo, uma laceração no fígado e que ele morreu devido à ação violenta, descartando acidente como alegam os advogados de defesa do padrasto e da mãe. Os dois estão presos desde o dia 8 de abril.

Postagem feita por Yasmin Brunet nos stories do Instagram (Reprodução Instagram)
Postagem feita por Yasmin Brunet nos stories do Instagram (Reprodução Instagram)
Postagem feita por Yasmin Brunet nos stories do Instagram (Reprodução Instagram)
Postagem feita por Yasmin Brunet nos stories do Instagram (Reprodução Instagram)

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff