Fechar
Cada vez mais polêmico

Zezé di Camargo se diz a favor do voto impresso e é massacrado na internet

Cantor sertanejo fez questão de deixar sua opinião sobre o assunto

Bruno PintoRepórter do EM OFF

O nome de Zezé di Camargo, da dupla com Luciano, se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais nesta terça-feira (27). O cantor, que vem se envolvendo em diversas polêmicas ultimamente, parece estar gostando de causar com seus discursos repletos indiretas e alfinetadas.

Dessa vez ele não apareceu alfinetando a ex-mulher ou criticando algum famoso. O sertanejo surgiu por meio de uma publicação feita por Carla Zambelli, do PSL-SP. A deputada federal compartilhou um vídeo do cantor declarando seu apoio ao voto impresso, segundo ele “auditável”. O sertanejo já possui certa fama pelo apreço declarado ao presidente Jair Bolsonaro.

Por meio de sua conta oficial no Twitter, Zambelli postou o vídeo de Zezé juntamente com a legenda: “Dia 01/08, em apoio ao VOTO AUDITÁVEL! A partir das 14h estarei na Paulista para apoiar esse tema tão relevante para a transparência nas eleições! Procure a organização de sua cidade!”.

Em um vídeo com quase quatro minutos de duração, o cantor tentou explicar o motivo pelo qual apoia esse tipo de voto. Ele questionou as pessoas que não são a favor: “Agora eu queria saber o porque que essas pessoas são contra a esse processo. É tão simples, é muito simples. Não vai atrasar nada na vida das pessoas. Isso é transparência“.

Continua após a publicidade

Zezé citou exemplos que colocam em dúvida a confiabilidade do processo eleitoral brasileiro, dizendo que apenas o Brasil “gostou” desse tipo de tecnologia.

A gente consegue violar celular, computador. Aquela maquininha que foi feita há não sei quantos anos, que nunca foi remodelada, não foi aceita em vários países. Vários países vieram aqui conhecer a tecnologia dessa máquina, esses países todos não copiaram, não gostaram da nossa maquininha, só a gente que gostou“.

O cantor sertanejo finalizou o vídeo convocando a população para ir às ruas: “No dia primeiro de agosto vai ter uma manifestação no Brasil inteiro, para o povo mostrar, principalmente para o congresso, que o povo quer o sim, auditável“.

Embora insista em dizer que seu discurso seja independente de cores e ideologias políticas, segundo ele “um partido só”, diversos internautas parecem não ter gostado do que Zezé di Camargo falou e massacraram o cantor nas redes sociais.

Confira!

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo