É briga!

Pantanal: Tenório e Tadeu brigam e acaba sobrando para Zefa

Tenório e Tade brigam por causa de terras e Zefa resolve se intrometer na briga precisando ser defendida por Maria Bruaca

Aline Torres
Repórter do EM OFF

Tadeu (José Loreto) pensa que a vida vai ficar mais fácil após sair da fazenda de José Leôncio (Marcos Palmeira) depois de brigar com o pai, mas está completamente enganado. O peão que decide ir para a fazenda do sogro, vai ver que nem tudo são flores. Tenório (Murilo Benício) vai mostrar que por detrás dos muitos elogios ao genro, há muita grosseria.

O peão não vai é mais peão do próprio pai, consequentemente, está sem salário. Precisando capitalizar, o namorado de Guta (Julia Dalavia) decide criar algumas cabeças de gado em um pedaço de terra do sogro. No entanto, a ideia não parece que vai agradar ao empresário de jogos de azar e por causa disso, um clima tenso vai surgir entre os dois.

Tadeu decidirá pegar sua parte na herança do pai e o rapaz tem direito a algumas cabeças de gado. Durante um jantar na fazenda de Tenório, o filho de Filó (Dira Paes) pedirá um pouco de terra para criar os bois ali e recomeçar a vida. No entanto, o grileiro questionará os métodos que o rapaz pretende usar para cuidar dos animais:

“Com que dinhêro você pretende fazer isso?”, perguntará Tenório. Tadeu tentará persuadir o pai de Guta que parece irredutível até que finalmente faz uma oferta: “Então o senhor me adiante a minha parte, em forma de pasto, que eu vô até lá e cobrô os boi do meu pai!”, pedirá o rapaz que chegou na fazenda do sogro para ajudar nos cuidados do local.

Zefa (Paula Barbosa), que já é conhecida da família por se intrometer nos assuntos mais íntimos dos patrões, vai se meter mais uma vez onde não será chamada: “Isso aí vai sê briga pra mais de metro…”, dirá a empregada que vai receber o sermão do patrão: “Ocê cala essa boca, minina!” Mas ela responderá mais uma vez.

“Eu calo… Mais num acho o Tadeu caçá briga c’o sêo Zé Leôncio a troco dessa história!”, opinará. “Se eu num pudé mais falá, melhor í m’embora dessa fazenda!”, dirá ainda, fazendo com que Tenório acate a ideia: “Então pega suas coisa e vá s’embora daqui!”, avisará o fazendeiro. Porém, a moça será salva por ninguém menos que Maria Bruaca (Isabel Teixeira):

“Nada disso! Ocê num vai mandá a Zefa embora dessa casa… Que ela me ajuda muito… E é um doce de minina!”, dirá Bruaca em defesa de Zefa que nessa hora já vai ter saído do local irritada. “Dêxa que eu falo com ela, Tenório… Dêxa…”, completará a dona de casa depois que o marido aceitar a empregada de volta.