Fechar
Questionou

Ana Maria bate de frente e questiona postura do presidente da ANS

A apresentadora do programa “Mais Você” não conseguiu se conter e acabou questionando o convidado em alguns momentos da entrevista

Bruno PintoRepórter do EM OFF

O famoso café da manhã com Ana Maria Braga desta terça-feira (07), foi diferente. Ao invés de artistas de destaque, a loira recebeu Paulo Rebello, presidente da Agência Nacional de Saúde, para conversar sobre planos de saúde e tirar as principais dúvidas dos telespectadores sobre os deveres das operadoras. Sem papas na língua, a apresentadora não pensou duas vezes antes de retrucar algumas falas do convidado.

“Qual é o papel fundamental da ANS? Pois é bonito quando a gente fala no juridiquês, mas, traduzindo, qual é a função da ANS pra gente que está de fora”, perguntou Ana Maria. Ao receber a resposta, a loira perguntou como tudo isso funciona na prática: “Eu sou uma consumidora de plano de saúde, como a maioria das pessoas no Brasil adorariam ter um plano de saúde e muitas vezes não consegue”.

Rebello informou que há diversas formas de obter informações precisas a respeito do assunto por meio do telefone e do portal da ANS. Diante da informação recebida, Ana contou que tentou acessar o site no dia anterior, porém, ao contrário do que estava sendo dito por Paulo, encontrou algumas dificuldades para conseguir obter a resposta para a sua dúvida e afirmou que não é algo simples.

“Você sabe que eu entrei lá [no site] ontem? Como eu ia conversar com o senhor… Não é um caminho fácil para as pessoas que tem dúvidas, pois até se chegar na dúvida é um caminho difícil, é uma agência reguladora, não é algo que a gente chega e faz perguntas e tem a resposta”, disse a eterna companheira de Louro José.

Continua após a publicidade

Além de expor a dificuldade encontrada para acessar o portal, Ana Maria ressaltou que grande parte dos brasileiros não tem essa facilidade toda: “É um caminho que você precisa estar com alguém que entenda. Você entende que a população brasileira, não são todos, infelizmente, que tem essa facilidade. Além disso, tem alguma outra forma para sugerir para o consumidor normal, que tem salário pequeno, que foi mandado embora”.

Questionado, o presidente da Agência Nacional de Saúde, nenhum plano de saúde pode fazer distinção das pessoas. Assim que ouviu essas palavras, Ana Maria não pensou duas vezes e disse: “Mas não é isso que acontece no dia a dia. A gente sabe que tem operadora que não aceitam pessoas acima de 60 anos, alguns casos você tem que provar que você está perfeitamente bem, tem até relatos de pessoas que precisaram informar seu peso para ser aceito”.

Paulo contou que a única forma de acabar com essas atitudes vindas de empresas de planos de saúde, é denunciando elas para a ANS, para que eles possam notificar e multar todas essas operadoras que estejam tendo práticas consideradas incorretas pela ANS. Na sequência, a apresentadora do “Mais Você” ironizou: “Mas vocês tem o Brasil inteiro pra fazer, vocês tem gente suficiente para ir atrás? Deus o ajude!”.

Ana Maria Braga questionou a fala de Paulo Rebello que disse bastar uma ligação para que os problemas sejam resolvidos: “O senhor está fazendo uma afirmação com tanta certeza, que eu me sinto até inibida de perguntar, porque, eu enxergo esse Brasil hoje com todas as carências que se tem em todos os lugares. Quando o senhor diz: ‘Liga pra mim lá na agência, porque vamos resolver’, nós estamos falando com o Brasil inteiro”.