Fechar
Saúde

Ana Maria Braga: médico alerta sobre riscos em quedas de idosos

Apresentadora do “Mais Você” sofreu acidente doméstico no último final de semana

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

No último final de semana, Ana Maria Braga foi levada às pressas para o Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo, após sofrer uma queda na cozinha da sua casa. A apresentadora do programa “Mais Você”, da Globo, bateu com a cabeça ao cair e ficou três dias em observação médica após passar por tomografia e outros exames, que descartaram sequelas.

Apesar de não ter tido complicações após a queda, a veterana de 72 anos foi afastada temporariamente das funções na TV e deve retornar na próxima semana. Até lá, Fabrício Battaglini e Talitha Morete substituirão a titular na atração matinal. Nesta quarta-feira (27), a famosa recebeu alta hospitalar, informação que foi confirmada por sua assessoria de imprensa e noticiada durante o “Mais Você”.

De acordo com profissionais da saúde, fatores como diminuição da velocidade de reação e equilíbrio, enfraquecimento muscular, redução da nitidez e clareza da visão e perda óssea, por exemplo, podem colocar pessoas da faixa etária de Ana Maria Braga no grupo de risco para os acidentes domésticos, algo que disparou nos últimos meses devido a pandemia da Covid-19.

Ao EM OFF, o médico Paulo Renzo, da CER Ilha do Governador, Emergência do Hospital Municipal Evandro Freire, gerenciado pelo CEJAM (Centro de Estudos e Pesquisas Dr. João Amorim), no Rio de Janeiro, afirma que o condicionamento físico pode contribuir para quedas em casa. O profissional ainda alerta para os cuidados com a saúde física e mental.

Continua após a publicidade

“O confinamento, principalmente em relação aos idosos, impacta diretamente no aumento de acidentes domésticos. A nova condição de isolamento social, sem os devidos cuidados para manter a sanidade física e mental, contribui muito para isso. Os idosos deixaram de realizar suas atividades fora de casa e, consequentemente, perdem condicionamento físico e mental. Ganham em ansiedade e depressão”.

De acordo com o médico, pacientes a partir dos 60 anos, como é o caso de Ana Maria Braga, necessitam de uma investigação maior em se tratando de casos simples. Segundo a diretora do “Mais Você”, Vivi de Marco, uma tomografia foi feita na apresentadora após a queda. O exame não apontou problemas, mas a famosa terá que seguir com uso de medicamentos.

“Eles sempre geram preocupações quanto à gravidade, pois a fragilidade é inerente à idade e à complexidade. Então, tratamos e investigamos todos os casos, desde os mais simples aos mais complicados”, afirma o médico, que também reforça que quedas que resultam em fraturas e lesões podem dificultar a mobilidade e autonomia do idoso e até mesmo deixar sequelas se não for acompanhado de perto por um profissional da saúde.

O médico Paulo Renzo diz que eliminar do caminho objetos que possam provocar acidentes, como por exemplo, tapetes e móveis em excesso, contribuem para manter o idoso longe de situações como a que foi enfrentada por Ana Maria Braga.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff