Fechar
SBT

Após acusação de armação no ‘Casos de Família’, Christina Rocha se pronuncia

Programa vespertino do SBT sofre constantemente com críticas do público

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Os rumores sobre a veracidade das histórias apresentadas no “Casos de Família” seguem intrigando o público. Visando afastar as dúvidas e até desmentir acusações, na última segunda-feira (27), por exemplo, Christina Rocha abriu o programa vespertino reafirmando que todas as tramas e personagens apresentados na TV, são reais.

“Chegando o seu programa das tardes preferido, com histórias reais, incríveis e verdadeiras”, frisou a apresentadora do SBT. “Quando você pensa que não tem mais história, aparece outra história”, completou ela, antes de anunciar o tema do dia: “Golpista nesse país é mato… ou seja, sempre olho no peixe e outro no gato”.

No programa em questão, Christina Rocha recebeu o delegado Palumbo. O profissional comentou sobre participantes do “Casos de Família” que caíram em golpes. Entre as histórias apresentadas no dia, a de uma mulher que fez depósito de R$ 800 para um criminoso através de um aplicativo de mensagens, e foi bloqueada logo em seguida.

“Estelionatário é igual rato nesse país, pior que mato, e não fica preso. Em menos de 24 horas, sai na audiência de custódia, toma um cafezinho pago por todos nós e vai embora. Esses crimes são muito comuns aqui no Brasil, e quando a polícia prende, eles [estelionatários] saem na audiência de custódia”, explicou Palumbo.

Continua após a publicidade

Armações no “Casos de Família”

Essa não é a primeira vez que Christina Rocha nega armação no “Casos de Família”. Em março de 2020, por exemplo, a apresentadora foi entrevistada por Danilo Gentili, no “The Noite”, e se revoltou ao ser questionada sobre o assunto. “Fico ‘p’ da vida. Você acha que se fosse combinado, eu daria minha cara para bater?”.

Em outras ocasiões em que o vespertino foi alvo de acusações, o SBT se pronunciou afirmando serem reais as histórias apresentadas na atração, e que os participantes, em sua maioria de comunidades de São Paulo, passam por entrevistas e checagem dos fatos. Só após a aprovação, as histórias são gravadas de acordo com o tema.

Nesta terça-feira (28), o SBT cancelou a exibição do “Casos de Família” para transmitir a segunda rodada da fase de grupos pela Champions League. Com isso, o “Fofocalizando”, programa de fofocas apresentado por Chris Flores, com comentários de Ana Paula Renault, Flor Fernandes e Gabriel Cartolano, foi antecipado na programação.

Recentemente, o SBT retornou com a plateia presencial no programa de Christina Rocha. No entanto, a emissora só tem permitido a entrada de pessoas que já foram vacinadas contra a Covid-19. A psicóloga Anahy D’Amico ainda não retornou aos estúdios da emissora, e tem feito aparições virtualmente.

Tags Relacionadas: