Fechar
para 2026

Apresentadora veterana poderá substituir Ana Maria Braga nas manhãs da Globo

Sandra Annenberg é o nome que está mais cotado para substituir Ana Maria Braga após o fim de seu contrato em 2025

Aline TorresRepórter do EM OFF

A dança das cadeiras na Globo está longe do fim. Muitos veteranos ou estão de saída, ou se aposentarão em breve. Mesmo com contrato firmado até 2025, o nome da suposta substituta de Ana Maria Braga já está sendo comentado nos bastidores da emissora. Sandra Annenberg foi considerada a mais provável para a ocupar a vaga.

Segundo o colunista André Romano, do Observatório da TV, o mercado publicitário demonstrou interesse no nome da ex-âncora do “Jornal Hoje” após fazer uma pesquisa interna para saber os prováveis nomes que poderiam substituir Ana Maria. A busca era um nome feminino que conseguisse conversar com o mesmo público da apresentadora do “Mais Você”.

Sandra também possui o contrato vigente até 2025 nesse primeiro momento e está prevista para permanecer mais quatro anos a frente do “Globo Repórter” nas noites de sexta-feira. No futuro, a data poderá ser postergada para que ela assuma o lugar da mãe do Louro José. Essa é uma forte suposição antes de sair qualquer novidade sobre o assunto.

Além da apresentadora de 53 anos do jornalístico documental, alguns outros apresentadores renovaram contrato por até 2023, podendo obter a renovação para até 2025, como André Marques, Fátima Bernardes, Pedro Bial, Márcio Garcia, Luciano Huck, Fernanda Gentil, Willian Bonner, Ana Paula Araújo, Patrícia Poeta, Ana Furtado, César Tralli e Maju Coutinho.

Continua após a publicidade

Com a carreira iniciada na televisão como atriz, Sandra Annenberg decidiu estudar jornalismo e partiu para a profissão que lhe daria fama. Mesmo tendo atuado com grandes nomes como Glória Menezes e Tarcísio Meira, foi no jornalismo que ela encontrou real admiração e amor pela profissão e de lá não saiu até hoje.

Ganhou notoriedade quando começou a apresentar o quadro meteorológico no “Jornal Nacional”, ganhando cada vez mais espaço. Já apresentou o “Fantástico” ao lado de Fátima Bernardes e Celso Freitas. Ela, inclusive, apresentou o programa durante a cobertura da morte de Ayrton Senna em 1994.

Em seguida, tornou-se apresentadora e produtora-executiva do “SPTV 1ª edição” assim que voltou para São Paulo. Foi correspondente internacional em Londres, quando retornou ao Rio de Janeiro para comandar o “Jornal Hoje”, jornalístico que lhe deu fama nacional e a tornou querida pelos telespectadores brasileiros.

A partir de 2012, passou a comandar o programa “Como Será” que substituiu o “Globo Cidadania”. Em 2019, passou a apresentar o “Globo Repórter” ao lado de Glória Maria, depois de Sérgio Chapelin se aposentar. Desde então ela está apenas no comendo da atração das noites de sexta-feira, já que “Como Será” foi cancelado no final de 2019, agora estão sendo exibidas reprises nas manhãs de sábado por causa da pandemia.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo