Fechar
DE CASA NOVA

Band anuncia contratação de Adriana Araújo, ex-Record TV

Jornalista assinou contrato com o Grupo Bandeirantes de Comunicação e vai atuar na cobertura das eleições 2022

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

O Grupo Bandeirantes de Comunicação confirmou nesta terça-feira a contratação da jornalista Adriana Araújo, ex-apresentadora da Record TV. Em um comunicado enviado à imprensa, a emissora comemorou a chegada da profissional e antecipou que ela também estará presente na BandNews TV e na BandNews FM. Ela já foi confirmada na cobertura das eleições 2022.

Desenvolver novos projetos na Band é um desafio e uma oportunidade de fazer o que sempre defendi: jornalismo ao vivo, dinâmico, com responsabilidade e bem próximo do público, com empatia, do jeito que eu gosto. É uma alegria poder voltar a fazer o que mais amo e me juntar ao grande time de profissionais da Band, reconhecido pelo jornalismo sério e independente, em um ano decisivo para o Brasil”, afirmou a jornalista.

Rodolfo Schneider, diretor executivo de Jornalismo e Esportes do Grupo, celebrou a chegada da apresentadora. “A Adriana vem para somar experiência e conteúdo à nossa equipe. Fez grandes trabalhos na TV, viveu intensamente a cobertura política em Brasília e chega muito disposta a novos desafios. Vai atuar na TV onde já está acostumada e se descobrir em outros veículos como o rádio”, disse.

Sob o comando do diretor nacional de Jornalismo, Fernando Mitre, a profissional vai participar de vários projetos na nova casa, incluindo a cobertura das eleições de 2022. Historicamente, a Band é a primeira emissora a realizar debates na TV aberta. “Nossa cobertura eleitoral em 2022 será intensa. A maior de todos os tempos. E a Adriana terá presença importante nesse processo”, adiantou Mitre.

Continua após a publicidade

Adriana Araújo, de 45 anos, está fora do ar desde março, quando não teve seu contrato renovado pela Record TV. Na nova emissora, ela deve comandar um novo telejornal, que ainda não tem seu horário de exibição definido. Segundo o NaTelinha, o jornalístico deve entrar no ar na faixa da noite, que contará com um novo programa de Fausto Silva após o dia 17 de janeiro.

Sobre Adriana Araújo

Nascida em Itabirito, no estado de Minas Gerais, Adriana Araújo tem 26 anos de experiência em TV aberta. Formada pela Pontifícia Universidade Católica, iniciou a carreira como repórter de Economia do jornal “Diário do Comércio”, em Belo Horizonte. Paralelamente, foi contratada pela TV Globo de Minas como editora de texto dos telejornais locais. Em 1995, passou a integrar o time de repórteres da emissora carioca. Sete anos mais tarde, foi transferida para a TV Globo de Brasília.

Em 2006, migrou para a TV Record para apresentar o “Jornal da Record” ao lado de Celso Freitas. Três anos depois, tornou-se correspondente da emissora em Nova York, nos Estados Unidos. De volta ao Brasil em 2010 para a cobertura da disputa presidencial, Adriana Araújo foi, ao lado de Ana Paula Padrão, a primeira repórter a entrevistar a presidente Dilma Rousseff, um dia após a eleição.

Nos últimos anos, conciliou a função de âncora e repórter. Esteve à frente das coberturas de maior repercussão, como o resgate dos mineiros soterrados no Chile, o acidente nuclear de Fukushima, no Japão, Jogos Pan-Americanos, duas Olimpíadas, mediação de debates e eleições presidenciais no Brasil e nos Estados Unidos. Em 2021, após 15 anos, Adriana Araújo deixou o canal.