Fechar
Nos bastidores

Carlos Alberto de Nóbrega abre o jogo: ‘Sacanagens e puxadas de tapete’

Carlos Alberto de Nóbrega lançará livro sobre os 64 anos de sua vida profissional na televisão: "Herói de mim mesmo"

Aline TorresRepórter do EM OFF

Carlos Alberto de Nóbrega disse em entrevista que lançará um novo livro sobre sua vida profissional chamado “Herói de Mim Mesmo”. O humorista contou também sobre os 64 anos de carreira na televisão e garantiu que a nova publicação não é uma biografia pessoal, mas sim profissional.

Em entrevista para o Notícias da TV, o veterano de 85 anos disse que revelará tudo que viveu na televisão: “Falo da minha experiência, do que lutei, as sacanagens que aconteceram, as decepções e as puxadas de tapete”, diz adiantando alguns dos assuntos que são tratados na obra.

“São várias histórias. É uma biografia profissional. Não falo de mulher e não falo de filhos. Falo da minha história na televisão. O livro vai mostrar o que eu vi e vivi nos meus 64 anos de carreira. Nada sobre minha vida pessoal”, esclareceu o apresentador.

Além da última obra, Carlos Alberto escreveu mais dois livros, “A Luz Que Não Se Apaga” (2004) e “Essas Coisas Só Acontecem Comigo” (2008). Dentre os assuntos abordados no novo livro, o apresentador de “A Praça é Nossa” falará de sua passagem pela Band e Globo.

Ele também vai relembrar sua passagem em célebres programas que fizeram sucesso no Brasil como “Família Trapo” (1967-1971) e “Praça da Alegria”, que foi idealizado por seu pai, Manuel de Nóbrega, na década de 50.

“Vou falar como começaram as Praças, o que acontecia durante as gravações, a Família Trapo… Tudo o que aconteceu. Chama Herói de Mim Mesmo porque é um livro que vai mostrar o quanto eu tive que lutar para conseguir as coisas. É quase uma obra de autoajuda. Tinha pessoas que não acreditavam em mim. Achavam que era meu pai que escrevia, que o Golias inventava tudo na hora”, revelou na entrevista.

Ele continua falando sobre o que espera que as pessoas pensem da obra: “As pessoas vão ler e falar: ‘Esse camarada não pegou moleza. Ele sofreu’. Eu vou contar o que passei para conseguir as coisas. As malandragens que fiz para ser contratado ganhando bem (risos)”.

Carlos Alberto contou que ainda não tem uma editora parceira para o lançamento, mas que ainda está focado em incrementa-lo com fotografias e fazer tudo com calma: “Agora vou aproveitar e, aos pouquinhos, vou escolher as fotos e fazer a ilustração. Quando der, eu lanço”.

Ele finalizou dizendo que pretende lançar apenas quando a pandemia acabar por completo: “O livro só será lançado quando terminar o distanciamento, as aglomerações etc. Só não vou lançar agora porque é como jogar fora. Lançar sem uma noite de autógrafos?”, brinca o apresentador.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo