Fechar
Volta hoje

Celso Freitas retorna ao ‘Jornal da Record’: ‘Estou feliz e confiante’

Jornalista está afastado do comando do telejornal desde 2020

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Afastado da apresentação do “Jornal da Record” desde os primeiros meses de 2020, devido a pandemia do novo coronavírus, Celso Freitas, agora devidamente vacinado com as duas doses da vacina, retorna a bancada de um dos telejornais de maior prestígio da televisão brasileira e comemorou por voltar à bancada da atração.

Mas, antes de ter seu retorno confirmado, o âncora do “Jornal da Record” passou um bom tempo aguardando por um momento que tanto esperava: o de ser vacinado. Pertencente ao grupo de risco, Celso Freitas, que recebeu a primeira dose do imunizante em abril, descreveu a alegria e a importância da vacina para a população.

“Esta é a primeira dose de uma felicidade que deverá ser plena só quando toda a população estiver imunizada. Que a gente deixe de dar notícias de mortes provocadas por esse vírus e que seja logo para que não falte comida no prato e que acabe essa taxa de desemprego“, disse, na ocasião.

Acostumado com a corrida rotina de trabalho, o jornalista afirmou que sentiu muita falta do dia a dia agitado em uma redação. Em entrevista ao portal Notícias da TV, o apresentador revelou que, mesmo estando em casa, não deixou alguns hábitos de lado. Em compensação, outros acabaram tirando “férias” durante o tempo em que ficou afastado da TV.

Continua após a publicidade

“Estou feliz e confiante em retornar ao que sempre fiz na vida. Mesmo em casa, não abandonei o hábito de me inteirar das notícias. Só não cumpri o ritual diário de fazer a barba, vestir o terno e ir para a bancada. Mas agora, na volta à Redação, tenho que observar todas as recomendações e cuidados de biossegurança”.

Consciente, o apresentador do “Jornal da Record” fez uma reflexão sobre o momento e os cuidados que ainda são necessários: “Mesmo depois da vacina, já está comprovado, não estamos livres de uma variante do coronavírus. Felizmente, o número de pessoas vacinadas cresce sempre, e o número de casos vem caindo”.

Ainda no início da pandemia, mas já afastado de suas funções presenciais na emissora, Celso contou como foi apresentar um podcast: “O desafio foi me equipar de ferramentas tecnológicas para fazer com qualidade um produto muito semelhante a um programa de rádio. Assim estive, mesmo que virtualmente, em contato com repórteres e profissionais da Redação”.

O apresentador, que está de volta ao telejornal a partir desta segunda-feira (09), concluiu falando sobre os efeitos da pandemia sobre a prática do jornalismo: “Pessoalmente, pude constatar o reconhecimento, elogios de muitos entrevistados que me acompanham ao longo de várias décadas. Isto é extremamente gratificante. Se a pandemia tornou o home office realidade, ela beneficiou o surgimento de novas modalidades de se fazer jornalismo”.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo