Fechar
Que medo!

Celso Portioli assusta ao revelar que estúdio do SBT é assombrado

Celso Portiolli acredita que estúdio do SBT seja assombrado e relembrou ocasião paranormal de Hebe Camargo em programa ao vivo

Aline TorresRepórter do EM OFF

Celso Portiolli chamou atenção dos telespectadores ao relembrar um assunto que ainda deixa as pessoas curiosas. Ele comentou sobre as dependências do SBT serem mal-assombradas e disse que a apresentadora Hebe Camargo, já falecida, já viu vultos enquanto trabalhava na emissora de Silvio Santos.

Ao contar sobre as gravações do programa “Curtindo uma Viagem” (2001-2002), ele revelou que a apresentadora veterana viu alguma coisa que não estava no plano humano: “A Hebe viu”, começou a contar. O fato aconteceu de madrugada, nas dependências do estúdio 6. O apresentador lembrou ainda que os médiuns que visitaram a emissora também sentiram algo:

“Tanto é que os paranormais que gravaram aqui também sentiram uma presença. As pessoas até escutam vozes à noite”, disse Celso, lembrando de um quadro em que médiuns participaram para saber quem era o “maior paranormal do Brasil” durante o “Domingo Legal”. O assunto foi tratado durante o “Passa ou Repassa” que foi ao ar neste domingo (05).

Ainda no programa, o humorista Danilo Gentili, que estava acompanhado de seus colegas, Léo Lins e Murilo Couto, contou que conversou com Roque, diretor de auditório e assistente de Silvio Santos. O assunto foi os fatos paranormais que já aconteceram na emissora do homem do baú durante todos esses anos.

Continua após a publicidade

Em seguida, Portiolli relembrou que os casos fantasmagóricos acontecem desde que Hebe Camargo era contratada da emissora e contou sobre uma ocasião específica, quando a apresentadora afirmou ter visto um vulto ao vivo: “Tem um vídeo em que ela está entrevistando a Solange Frazão e pergunta se a equipe tinha visto um homem [no estúdio]. Ela viu um vulto ao vivo”, disse.

O estúdio que seria supostamente assombrado é o que está localizado em Osasco, na região metropolitana de São Paulo. No entanto, a equipe do canal ESPN que está locada no bairro de Sumaré, também em São Paulo, no lugar dos estúdios da extinta TV Tupi, conta que o prédio também é mal-assombrado e que o fantasma de Assis Chateaubriand vive no elevador do prédio.

Assis Chateaubriand, ou Chatô, foi um jornalista, escritor, advogado, professor, empresário e político brasileiro, responsável por trazer a tecnologia da televisão ao Brasil na década de 1950. Ele foi o fundador do maior conglomerado de mídias do início e meio do século XX, o “Diários Associados”.

Figura controversa, há quem diga que ele conseguiu chegar na posição de um dos homens mais influentes do Brasil, devido a suposta ajuda que recebeu do então presidente Getúlio Vargas. Ele não conseguiu mais trabalhar após ser acometido por uma grave trombose que o deixou incapaz, falecendo em 1968. Desde então lendas urbanas perduram sobre seu espirito habitar antigos prédios em que Assis muito andou em vida.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo