Fechar
"SE POSICIONA"

Chris Flores cobra posicionamento de Neymar no caso do DJ Ivis

A apresentadora cobrou um posicionamento público do jogador no caso envolvendo as agressões do DJ Ivis a sua esposa

Jean TellesRepórter do EM OFF

A apresentadora Chris Flores cobrou um posicionamento público do jogador Neymar Jr no caso envolvendo as agressões do DJ Ivis a sua esposa Pamella Holanda. A “cobrança” aconteceu durante a exibição do programa Fofocalizando dessa segunda-feira (12).

Chris Flores alertou os telespectadores que além de parar de seguir o artista, os internautas deviam denunciar as contas do DJ nas redes sociais, como ela fez:

“Eu já fiz isso, porque vou falar para vocês, esse tipo de pessoa tem que sumir da fase da Terra, entendeu? Não pode ter nada. ‘Ah, mas o que ele sabe fazer é cantar’. Azar o dele. Pensasse antes de fazer o que fez. Não merece“, começou dizendo a apresentadora.

Em seguida, Chris Flores disse lamentar as pessoas que admiravam e faziam as dancinhas do músico nas redes sociais e citou como exemplo o atleta que já reproduziu a coreografia de uma das músicas do DJ Ivis:

Continua após a publicidade

“Lamento pelas pessoas que acreditaram nele, que eram fãs dele, que baixaram as músicas dele, que estavam reproduzindo coreografias nas redes sociais com a música dele. Até o Neymar dançou a música dele”, disse Chris Flores.

Depois disso, a jornalista fez questão de exigir um posicionamento público do jogador afirmando que quem não se posiciona é conivente com o caso de agressão:

“Ô Neymar, se posiciona! A gente quer te ouvir. Fala, Neymar! A gente quer ouvir todo mundo falando, todos os artistas que tiveram coragem de se posicionar, parabéns. Tem que se posicionar sim, tem que ser contra porque quem não falar nada, assinou embaixo”.

Recentemente, o jogador usou suas redes sociais para criticar os brasileiros que estavam torcendo contra o país na partida final da Copa América, realizado no último sábado (10). O Brasil foi derrotado pela Argentina no Maracanã, por um placar de 1 a 0.

“Sou ‘brasileiro com muito orgulho e com muito amor’. Meu sonho sempre foi estar na seleção brasileira e ouvir a torcida cantando. Jamais torci ou torcerei se o Brasil estiver disputando alguma coisa, seja lá qual for o esporte, concurso de modelo, Oscar”, começou dizendo o ex de Bruna Marquezine.

E continuou: “Se tem Brasil, eu sou Brasil, e quem é brasileiro e faz diferente? Ok, vou respeitar, mas vai para o…”, disse o jogador por stories dias antes da derrota do Brasil no campeonato.