Fechar
Despedida

Cissa Guimarães deixa o “É de Casa” e manda mensagem à produção

A apresentadora veterana na TV Globo, Cissa Guimarães, deixou atração “É De Casa” e se despediu da equipe pelo WhatsApp

Augusto ViannaRepórter do EM OFF

Uma notícia caiu como uma bomba nos bastidores da TV Globo nesta sexta-feira (29). Uma das artistas veteranas da emissora, Cissa Guimarães, foi desligada e não comandará mais o “É de Casa”, exibido nas manhãs de sábado. A apresentadora se despediu da equipe por meio de mensagem no WhatsApp. A despedida foi feita através de um grupo no aplicativo composto por integrantes de funcionários da atração.  

De acordo com o jornalista Léo Dias, no texto Cissa Guimarães agradece o tempo de parceira com os colegas de trabalho e pela oportunidade que teve em comandar o programa. “Agradeço a todos por estarem comigo nesta caminhada, pelo compartilhamento e aprendizado que vocês generosamente me deram”, escreveu a apresentadora. E ainda prossegue: “Participei da gestação, da criação e da evolução do É de Casa e sinto muito orgulho disto. Estivemos juntos sempre, nas dores e nas gargalhadas. Nunca esquecerei.”

Por fim, ela afirma que não fará mais parte do “É de Casa”, mas que carregará todas os momentos que viveu no tempo em que esteve no comando do projeto, no qual ele fez parte desde o início. ”Não estarei mais com vocês no programa, mas levo vocês na minha história e na minha melhor memória. Toda minha gratidão a vocês! Desejo à todos muita luz”, escreveu a apresentadora, que, na sequência, deixou o grupo de mensagens da equipe da atração. Cissa, de 64 anos, fez história no extinto “Vídeo Show”, programa de variedades, onde ficou por 15 anos.

Em nota enviada ao jornalista Lo Bianco, a TV Globo se pronunciou: “O ‘É de Casa’ se despede de Cissa Guimarães, que deixa a Globo após uma parceria alegre e de sucesso de mais de quatro décadas. A atriz e apresentadora, que esteve no comando do matinal desde a estreia em 2015, continua com as portas abertas na Globo para futuros projetos em nossas múltiplas plataformas, mas em um novo modelo de parceria”.

Continua após a publicidade

A atriz e apresentadora Cissa Guimarães também se pronunciou. “Fui muito feliz nesse casamento de mais de 40 anos. E é isso que vou levar: as boas parcerias, os imensos aprendizados, os momentos felizes, emocionantes e compartilhados que ficaram para a história – minha, do público e da TV Globo. A minha gratidão mora aí, nesse sentimento lindo e nessa vida que construímos juntos”.

O “É de Casa” é um programa que mescla informações jornalísticas, dicas de estilo de vida, culinária, artesanato e jardinagem, assuntos que ocorreram durante a semana e participações de convidados especiais. Estreou em 8 de agosto de 2015, inicialmente sob o comando de Ana Furtado, André Marques, Cissa Guimarães, Patrícia Poeta, Tiago Leifert e Zeca Camargo, que migrou para a Band. Agora será apresentado por Ana Furtado, André Marques, Manoel Soares, Patrícia Poeta e Thalita Morete.

Sem “É de Casa” Globo bate audiência

A final do futebol olímpico masculino que garantiu o bicampeonato da seleção brasileira em agosto, durante os Jogos Olímpicos, garantiu Rede Globo ótimo índices de audiência. Sem exibir o programa matutino “É de Casa”, a emissora carioca registrou índices históricos de horário nobre em pleno sábado de manhã. De acordo com informações do jornalista Gabriel Vaquer, do site Notícias da TV, a Globo registrou 21 pontos em São Paulo, o que corresponde a um crescimento de 250% no horário.

No Painel Nacional de Televisão (PNT), que reúne cerca de 15 mercados aferidos pela Kantar Ibope Média, o canal de notícias da emissora dos Marinho também registrou 21 pontos configurando assim os mesmos 250% de crescimento no horário. No Rio de Janeiro, a subida da audiência do horário matinal correspondeu a 214% com 22 pontos. Com os índices de horário nobre em plena manhã a emissora carioca teve nessa faixa de horário de sábado do dia 7 de agosto, sua maior audiência desde a Copa de 2002, ano em que o Brasil conquistou o penta campeonato.

Os dados são prévios. Vale lembrar, que na mesma faixa de horário, a Rede Globo ainda mantém a liderança isolada, com a exibição da sua revista eletrônica “É de Casa” mas não com uma vantagem tão astronômica sob as outras emissoras concorrentes. No primeiro semestre desse ano, a atração teve média de 6,1 na grande São Paulo.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff