Fechar
CONTRATO ASSINADO

CNN Brasil contrata jornalista experiente para o lugar de Alexandre Garcia

Para 2022, emissora promete anunciar novas contratações e novidades na programação

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Visando ultrapassar a GloboNews no ranking de audiência da TV paga, a CNN Brasil segue contratando novos jornalistas para o seu casting. Uma nova grade de programação também deve movimentar o 2022 da emissora de notícias, que tem eu seu elenco Monalisa Perrone e Márcio Gomes. Agora, Boris Casoy, um dos profissionais mais prestigiados do jornalismo brasileiro, fará a sua estreia no canal.

De acordo com informações da colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, o apresentador, de 80 anos, assinou contrato com a nova casa e fará a sua estreia em 10 de janeiro. Ele ocupará o lugar de Alexandre Garcia no quadro “Liberdade de Opinião”, do “CNN Novo Dia”, telejornal matinal apresentado por Rafael Colombo, Luciana Barreto e Elisa Veeck, entre 6h e 11h.

Em setembro, a CNN Brasil demitiu Garcia após o jornalista defender um suposto tratamento precoce contra a Covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada pelas autoridades de saúde. O ex-Globo foi considerado um defensor ferrenho do presidente Jair Bolsonaro (PL), e chegou a ser desmentido duas vezes por apresentadores o canal após desinformação.

A demissão do antecessor de Boris Casoy não implicou na extinção do quadro “Liberdade de Opinião”, considerado um dos mais polêmicos e repercutidos pelo público nas redes sociais. À época, a emissora explicou que a decisão se deu após ser contrariada várias vezes por seu ex-contratado. A emissora reforçou o seu compromisso com a informação verdadeira.

Continua após a publicidade

A decisão foi tomada após o comentarista reiterar a defesa do tratamento precoce contra a Covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada. O quadro ‘Liberdade de Opinião’ continuará na programação da emissora, dentro do jornal ‘Novo Dia’. A CNN Brasil reforça seu compromisso com os fatos e a pluralidade de opiniões, pilares da democracia e do bom jornalismo“.

Apesar de a contratação inesperada indicar uma substituição a Alexandre Garcia, hoje contratado da Jovem Pan News, a CNN Brasil esclarece que não o enxerga como um substituto do jornalista da concorrente. “A CNN considera somente um nome forte e importante para o quadro da CNN, se encaixando muito bem no perfil”.

Boris Casoy tem uma carreira com mais 15 anos, em que atuou no jornalismo impresso, foi narrador esportivo na rádio e apresentador de telejornais nas principais emissoras de TV aberta do Brasil. Entre 1988 e 1997, atuou como âncora do “TJ Brasil”, jornalístico do SBT, onde se popularizou por conta das opiniões polêmicas sobre as reportagens exibidas. Na mesma época, lançou bordões famosos, como por exemplo, o “Isso é uma vergonha”.

Na Record TV, foi o principal nome da casa entre os anos de 1997 e 2005. Na Band, ficou entre 2008 e 2016 e na RedeTV, um ano. Desde então, o profissional passou a comentar as principais notícias do dia através do seu canal do YouTube. Ele ainda não se pronunciou oficialmente sobre sua entrada na CNN Brasil.