ExclusivoDescubra quem são os apresentadores e programas ‘queridinhos’ da Band

Nomes como Catia Fonseca, Edu Guedes e Renata Fan estão com moral nos bastidores da emissora paulista

Danilo Reenlsober
Repórter do EM OFF

O apresentador Fausto Silva chegou à Band em janeiro deste ano com toda a pompa e circunstância típica de um grande comunicador. Depois mais de 30 anos à frente dos domingos da TV Globo, o famoso retornou para a emissora do Morumbi, onde iniciou sua carreira de sucesso, para comandar um programa diário. A expectativa era alta e não foi totalmente recompensada.

Como você viu aqui no EM OFF no começo da semana, o retorno de Faustão à emissora paulista acabou gerando uma crise financeira e uma onda de demissões. Isso porque o “Faustão na Band”, exibido de segunda a sexta-feira, gera um grande custo para a empresa, mas os valores arrecadados não têm sido suficientes para fechar a conta no azul no final do mês.

O “Faustão na Band” gasta muito dinheiro com convidados, banda e até direitos autorais das músicas que são apresentadas. A maneira encontrada pela direção da Band para economizar foi organizar uma série de demissões. Esses cortes começaram há algumas semanas e devem continuar. A situação é tão ruim que tais demissões não afetam apenas a equipe de Fausto Silva, como também outros setores.

Assim, engana-se quem pensa que Fausto Silva estão com “moral” dentro da emissora. Levados em consideração premissas como custo e arrecadação, diversos outros programas e apresentadores da casa estão numa situação muito mais tranquila diante a direção. Assim, não é inoportuno apontar que os diretores do canal de Jhonny Saad têm seus “queridinhos”. Saiba quem são eles:

MasterChef Brasil

Não é segredo nenhum que a Band sempre aposta suas fichas no reality gastronômico MasterChef Brasil. Apresentado por Ana Paula Padrão, a atração estreou em 2014 e, desde então, aparece quase de forma ininterrupta na grade de programação da emissora. Só em 2022, serão três edições diferentes: a com amadores, já no ar; uma nova temporada de profissionais; e uma versão inédita, só com cozinheiros veteranos acima dos 60 anos.

A explicação para tudo isso é simples: retorno financeiro. Apesar do MasterChef Brasil já não alcançar índices de audiência elevados, como acontecia nas primeiras temporadas, o programa que tem no júri os chefs Henrique Fogaça, Érick Jacquin e Helena Rizzo fatura muito dinheiro com merchans e é um dos campeões quando o assunto é venda de cota de patrocínio. Financeiramente falando, é um imenso sucesso.

Um dos maiores sucessos da Band, MasterChef Brasil deve continuar no ar por um bom tempo (Reprodução)

Edu Guedes

Longe de dar trabalho para a concorrência durante as manhãs da emissora, o The Chef, apresentado por Edu Guedes, pode até parecer um fiasco para muita gente. No entanto, a direção da Band está totalmente satisfeita. Produzido em parceria com a Viva Produtora, do próprio Guedes, a atração também traz um bom retorno financeiro e raramente dá dor de cabeça aos diretores.

Programa de Edu Guedes dá bom retorno financeiro (Reprodução)

Cátia Fonseca

Outro programa com culinária que também é bem visto pela direção da Band é O Melhor da Tarde, apresentado por Cátia Fonseca. A atração comandada pela ex-contratada da TV Gazeta também não arrebenta na audiência e fica sempre na casa dos 2.0 pontos no ibope, mas, assim como o MasterChef e o The Chef, também vai muito bem quando o assunto é venda de patrocínio.

Cátia Fonseca é a “dona” das tardes da Band (Reprodução)

Jogo Aberto e Os Donos da Bola

Por muito tempo, a Band foi conhecida como “O canal do esporte”. Hoje, a emissora ainda mantém forte a cobertura esportiva em sua grade – e com um bom retorno. Os programas Jogo Aberto, com Renata Fan, e Os Donos da Bola, com o craque Neto, possuem uma audiência já consolidada (chegando, em alguns casos, a alcançar a terceira posição no ibope), são bem vistos pelo comercial e têm um custo de produção considerado baixo.

Renata Fan comanda o Jogo Aberto (Reprodução)