Fechar
COVID-19

Em meio a surto, repórter político é escalado para ‘Globo Esporte’

Filipe Matoso, que cobre política no portal de notícias da emissora dos Marinho, se tornou a única opção e acabou sendo escolhido

Bruno PintoRepórter do EM OFF

A Rede Globo está passando por um momento muito complicado nos bastidores. Seguindo o aumento de casos de Covid-19 em todo o país, a emissora dos Marinho já conta com um grande número de colaboradores testados positivo para doença e, consequentemente, afastados de suas funções. Com a falta de profissionais em diversos segmentos, a Globo está tendo que se virar como pode para conseguir dar conta de suas produções.

Se não bastassem os transtornos causados pela pandemia do novo coronavírus em um dos momentos mais críticos da doença, a emissora dos Marinho, assim como algumas de suas concorrentes, está enfrentando um surto do vírus em suas dependências. Além da grande preocupação com os funcionários que trabalham nos estúdios do Rio de Janeiro, a Globo precisou desviar suas atenções para Brasília.

Assim como vem acontecendo nos bastidores da emissora no Rio, a Globo precisou afastar diversos colaboradores, principalmente do jornalismo esportivo, em decorrência dos casos da doença. Por conta disso, o “Globo Esporte”, que é transmitido para Brasília, acabou ficando sem apresentador, e o pior, sem alguém que pudesse ocupar o posto. Sendo assim, os executivos se viram em uma situação muito complicada e precisaram agir rápido.

Devido a escassez de funcionários na editoria esporte, a direção da emissora dos Marinho não teve outra opção senão transferir um repórter de uma outra editoria, neste caso política, para apresentar o programa esportivo. Sem perspectivas de um cenário melhor, o jornalista, que já comandou a atração nesta quarta-feira (12), deverá permanecer na função por mais algum tempo.

Continua após a publicidade

Embora tenha embarcado em algo novo e completamente diferente do que costuma fazer habitualmente, Filipe Matoso mandou bem. Segundo informações divulgadas pelo portal TV Pop, o apresentador interino do “Globo Esporte Brasília” teve seu esforço reconhecido, agradou a direção da emissora dos Marinho e foi muito elogiado nos bastidores após cumprir a primeira missão.

Ainda de acordo com o site, os casos de afastamentos começaram com o apresentador José Maurício Oliveira. Recentemente, o também editor-chefe do programa esportivo começou a ter sintomas de gripe e permanece em isolamento. Em decorrência da alta probabilidade de contágio, todos os colegas de trabalho do apresentador titular também foram afastados e passaram a trabalhar remotamente.

Por exercer uma função que está sempre em contato direto com grande parte da equipe, José Maurício poderia ter contaminado todos aqueles que tiveram contato recentemente com ele. Sendo assim, a redação ficou praticamente vazia. A lista de afastados é grande e inclui, além do apresentador do “Globo Esporte”, o seu substituto oficial, uma repórter, duas produtoras, um editor e um estagiário.