Fechar
SUCESSO DE VOLTA

Globo tem planos de reprisar ‘A Favorita’ se surto de Covid-19 continuar

De acordo com o colunista André Romano, do Observatório da TV, trama pode ser exibida após "Império"

Danilo ReenlsoberRepórter do EM OFF

A Globo já pensa na possibilidade de exibir outra reprise na faixa das 21h após “Império”, que entra no ar depois do fim de “Amor de Mãe”. A ideia da emissora é adiar a inédita “Um Lugar ao Sol”, escrita por Lícia Manzo, e reapresentar “A Favorita”, novela de João Emanuel Carneiro.

A informação é do colunista André Romano, do Observatório da TV. Segundo ele, se o surto de Covid-19 continuar crescendo no País, principalmente no Rio de Janeiro, onde as novelas da Globo são gravadas, a emissora deve diminuir o ritmo de gravações de projetos inéditos gradativamente.

“Um Lugar ao Sol”, protagonizada por Cauã Reymond, tem data de estreia marcada para 4 de outubro, mas pode sofrer atrações devido à pandemia. Se isso realmente acontecer, a história de Lícia Manzo pode estrear apenas em abril de 2022, mas com todos os episódios já gravados.

“A Favorita” foi exibida entre os anos de 2008 e 2009 e foi a primeira novela de João Emanuel Carneiro na faixa das 21h. A trama fez sucesso por gerar dúvidas no espectador sobre quem era a vilá e a mocinha da história. Patrícia Pillar (Flora) e Claudia Raia (Donatela) eram as protagonistas.

Continua após a publicidade

Em maio de 2020, quando a novela entrou no catálogo do serviço GloboPlay, o autor falou sobre a trama. “Logo que a novela estreou já havia definido e ninguém sabia, apenas o Ricardo Waddington [diretor], a Cláudia Raia e a Patrícia Pillar. Depois o Ary Fontoura também soube e não contamos para mais ninguém! Conversei com as atrizes para que já se ligassem na interpretação, para irem na direção certa, mas sem deixar muito na cara”.