Fechar
Desabafou

Maju Coutinho se revolta com caso de racismo e faz desabafo ao vivo

Âncora do "Jornal Hoje" não conseguiu se segurar após assistir tamanha crueldade

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Os telespectadores que estavam assistindo ao “Jornal Hoje”, exibido na tarde desta segunda-feira (09), puderam ver o quanto Maria Júlia Coutinho ficou indignada com um caso de racismo. Após a exibição da reportagem, a apresentadora não conseguiu esconder a revolta que estava sentindo perante o caso e fez um desabafo ao vivo.

O caso aconteceu na última sexta-feira (06), em uma rede de supermercados em Limeira, interior de São Paulo. O vídeo onde um homem negro teve que tirar suas roupas para mostrar que não havia furtado mercadorias do estabelecimento comercial, viralizou na internet e foi muito compartilhado neste final de semana por internautas de todo o país.

Em entrevista ao portal Notícia de Limeira, Luiz Carlos da Silva, de 56 anos, disse: “Queriam me levar para um canto escuro sem ninguém ver. Eu comecei a chamar o pessoal para gravar e servir de testemunha. Se me levassem para trás, eles colocariam alguma coisa em mim e diriam que eu roubei… Chorei porque não roubei nada. Nunca precisei roubar nada de ninguém. Eu trabalho”.

O caso ganhou grande repercussão e causou revolta nos brasileiros e Maria Júlia Coutinho foi uma dessas pessoas que não suportou ver as imagens e ficar calada. Visivelmente abalada, a jornalista desabafou: “A gente começa falando, infelizmente, o racismo nosso de cada dia que, felizmente, está sendo cada vez mais filmado, denunciado para que não seja tolerado”.

Continua após a publicidade

A âncora do “Jornal Hoje” disse que o caso é lamentável. Maju Coutinho continuou fazendo o desabafo e informou que, a pedido da família de Luiz Carlos da Silva e também com o objetivo de preservar a imagem do homem que passou por esse terrível episódio, a produção do “Jornal Hoje” decidiu que não iria exibir a imagem do rapaz.

Além da apresentadora do “JH”, outra jornalista demonstrou sua indignação com o ocorrido no interior de São Paulo. Logo pela manhã, durante a transmissão do “Bom Dia SP”, a âncora Michelle Barros também não suportou assistir tamanha crueldade com o homem e, assim como Maju, fez um desabafo ao vivo: “O homem tenta desesperadamente provar que não furtou nada… Isso é humilhação!”.

Emocionada, a apresentadora do telejornal matinal se sentiu na obrigação de se desculpar, tanto com os telespectadores quanto com o rapaz que foi covardemente injustiçado, por ter que mostrar tamanha crueldade: “Desculpe-nos, você aí de casa, por ter que mostrar uma coisa dessas. Desculpe ao senhor, por ter que expô-lo assim. Desculpe a sua família, desculpe por isso”.

Ainda revoltada com o caso, Michelle Barros continuou seu desabafo e indagou os motivos que levaram tal atitude com o homem: “Qual a razão para submeter uma pessoa a um constrangimento tamanho? Por causa da cor da pele? O que leve a isso? Um cidadão de 56 anos, o que passa na cabeça. Minha desculpa ao senhor por ter que mostrar isso”.