Fechar
LUTO

Manoel Soares se emociona ao falar da morte de Elza Soares no ‘Encontro’

O apresentador da Rede Globo, além de ficar visivelmente emocionado no programa, revelou que chorou muito quando soube da notícia

Bruno PintoRepórter do EM OFF

O anúncio do falecimento de Elza Soares aos 91 anos, acabou pegando muita gente de surpresa. Considerada uma das grandes divas da música brasileira, a cantora, que tem fãs espalhados por todos os cantos do país, deixa um legado e muitas pessoas tristes com sua partida. Uma delas é o apresentador Manoel Soares que se emocionou ao vivo ao falar da morte de Elza.

O programa “Encontro”, transmitido na manhã desta sexta-feira (21), que está sendo apresentado por Patrícia Poeta e Manoel Soares, foi totalmente dedicado a cantora. Os apresentadores receberam, tanto no palco quanto por videochamada, diversas personalidades da música para falar sobre a importância de Elza e, claro, para homenagear a história marcante da cantora.

A atração diária começou com imagens de Elza se apresentando no programa e, na sequência, apresentadores e plateia aplaudiram de pé a cantora: “Esses aplausos são mais que merecidos, porque a nossa grande rainha Elza Soares ancestralizou. Para nós, é muito forte isso, porque quem conhece a obra de Elza Soares e sua história, sabe que não foi apenas uma artista que morreu”, iniciou Manoel Soares.

O apresentador, que estava visivelmente emocionado e com a voz trêmula, falou que levou um baque muito forte ao saber da morte de Elza. Sentido com o momento triste, ele revelou que não aguentou e acabou caindo no choro: “A gente costuma a dizer que pessoas como ela não morrem. São 91 anos de muita luz. Eu, como vocês devem imaginar pela minha cara, eu já chorei bastante.

Continua após a publicidade

Embora estivesse abalado com a perda, Manoel contou que, mas do que a inevitável de tristeza, o sentimento de carinho e gratidão por tudo que a cantora proporcionou para tanta gente, é muito maior: “Mas esse choro não é de tristeza, é um choro de agradecimento, de gratidão. Nós não vamos fazer um programa de tristeza, mas sim de homenagem, que é o que ela merece”.

Após a fala de Manoel Soares, foi a vez de Patrícia Poeta falar sobre o falecimento de Elza. A apresentadora fez questão de ressaltar e engrandecer importância da cantora: “Queremos lembrá-la o jeito que ela foi durante a vida. Uma mulher forte, guerreira, apaixonada pela vida e pela arte. Ela é um ícone da música brasileira, voz do milênio. São tantas palavras para descrever a Elza”.

Por fim, Poeta lembrou da história da cantora e disse que a contribuição de Elza Soares para o Brasil, vai muito além da música: “Ela foi tão importante para todas nós, mulheres. Eu acho que essa gratidão, ela se estende não só a música, mas também a pessoa forte que ela foi, uma inspiração para todas nós e mostrar que a gente pode ser o que a gente quer”.