Fechar
Não Gostou

Neto solta o verbo e detona The Masked Singer Brasil: ‘Chato para cacete’

Apresentador não pensou duas vezes e falou, ao vivo, o que pensa do programa apresentado por Ivete Sangalo

Bruno PintoRepórter do EM OFF

O polêmico Neto surpreendeu aos telespectadores que estavam assistindo ao programa “Os Donos da Bola”, transmitido pela Band, ao dar sua opinião sobre o “The Masked Singer Brasil”. O apresentador da atração esportiva não gostou da participação do ex-jogador Marcelinho Carioca e aproveitou para detonar o reality musical da Rede Globo.

Ao vivo, enquanto apresentava o programa, Neto juntou sua indignação, pelo fato de Marcelinho Carioca ter participado do programa apresentado por Ivete Sangalo, e soltou o verbo contra a atração global. Segundo o ex-jogador do Corinthians, o “The Masked Singer” é “um programa chato para cacete e é copiado ainda”.

Após alfinetar o programa da emissora concorrente, Neto falou sobre a chegada de Fausto Silva na Band. O comentarista disse que o ex-apresentador do “Domingão do Faustão” vai fazer muito sucesso em sua nova casa e fez questão de dizer que o novo contratado da emissora paulista é um homem que pratica o bem.

“O Faustão vai estar aqui e vai arrebentar a boca do balão. E, por sinal, é um cara maravilhoso. Um cara que faz o bem para todo mundo. Todo mundo sabe o bem que ele faz fora das câmeras para as pessoas que precisam”, comentou o apresentador do “Os Donos da Bola“.

Continua após a publicidade

A revolta de Neto surgiu após a participação de Marcelinho Carioca no programa musical. O também comentarista da Band classificou o episódio como uma palhaçada: “Não vou fazer aquela palhaçada que o Marcelinho Carioca fez na TV Globo: o cara ficar vestido de coqueiro? Os caras convidaram para isso? Está de sacanagem? Dá licença. Mandou bem mal”.

O ex-jogador continuou seu discurso repleto de alfinetadas e mandou um recado diretamente ao terceiro participante eliminado do “The Masked Singer Brasil”. Neto ironizou a fantasia utilizada por Marcelinho: “Você é o Marcelinho, maior ídolo da história do Corinthians. Você vai ficar de coqueiro na Globo?”.

Em seu discurso de despedida, o ídolo corintiano fez um emocionante desabado: “Se o filho de um gari chegou, venceu no esporte, na educação, qualquer pessoa pode chegar. Eu nunca cantei na minha vida. Não passava uma agulha. Foi um negócio extraordinário para a minha vida. Eu fiz aula de canto”.

Tem alguma foto? print? vídeo? ou áudio de alguma fofoca? envie um e-mail para contato@portalemoff.com.br sua identidade será mantida no mais absoluto sigilo