Fechar
Ao vivo

Record ganha propaganda gratuita na Globo após deslize de cantor

Daniel Diau, vocalista da Calcinha Preta, se atrapalhou e promoveu concorrente da Globo

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Fátima Bernardes recebeu os integrantes da banda Calcinha Preta no programa “Encontro” para homenagear a cantora Paulinha Abelha (1978-2022). O tributo, no entanto, foi marcado por uma gafe de Daniel Diau, um dos vocalistas do grupo. O artista se atrapalhou e acabou e promovendo o serviço de streaming Playplus, pertencente a Record TV, principal rival da Globo na guerra por audiência.

O forrozeiro aproveitou um momento de descontração para contar que sua família havia assinado o Globoplay para acompanhar Arthur Aguiar no “BBB22”, quando ele se confundiu e fez uma propaganda gratuita para a plataforma concorrente. “Quero mandar um beijo para minha filha, Rebeca, minha sogra, está todo mundo assistindo. A galera comprou o PlayPlus… O Globoplay, aliás, para assistir ao Big Brother. E a galera torce para o Arthur [Aguiar], viu?”.

Fátima Bernardes ignorou a gafe e seguiu o programa normalmente. Durante participação no “Encontro”, Silvânia Aquino contou quando soube que Paulinha estava internada em estado grave após cumprir agenda de shows e entrevistas. No programa “PodPah”, disponível no YouTube, a intérprete de baby doll chegou a passar mal, mas achou que pudesse ter sido algo que havia comido.

“Fizemos shows em São Paulo, mas ela não reclamava. Fomos dar uma entrevista e ela se retirou, disse que estava passando mal, vomitando muito. Passou a noite toda vomitando. No outro dia, era para a gente viajar e ela remarcou, por que estava se sentindo muito indisposta. Eu achei que ela estava grávida. Ficou tudo muito estranho, nem sabia que ela estava internada. Disseram assim: ‘Paulinha não vai viajar hoje, ela está no hospital”, descreveu.

Continua após a publicidade

Morte de Paulinha Abelha

Paulinha morreu aos 43 anos no último dia 23 de fevereiro após ficar quase uma semana na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Primavera, em Aracaju. A artista deu entrada no hospital Unimed Sergipe em 11 de fevereiro, após indisposição durante fim de compromisso de agenda. Exames iniciais apontaram uma infecção renal, mas o estado de saúde da cantora se agravou e ela foi encaminhada para UTI, onde passou por diálise.

No dia 17 do mesmo mês, a cantora entrou em coma e foi transferida para o Hospital Primavera. Uma bateria de exames mostrou que o quadro de infecção estava estabilizado, mas dois dias depois Paulinha foi intubada e passou a respirar com ajuda de ventilação mecânica. O quadro de saúde da famosa evoluiu para neurológico grave, o que caracterizou coma profundo.