Fechar
Falha nossa

’SBT Brasil’ enfrenta problemas técnicos ao vivo

Apresentadores do principal telejornal do país ficaram perdidos com a sequência da edição

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

O “SBT Brasil” enfrentou problemas técnicos na edição desta terça-feira (22). O telejornal apresentado por Márcia Dantas e Marcelo Torres teve que adiar uma reportagem após a direção não conseguir exibir o material que já havia sido anunciado na escalada. O momento deixou os âncoras perdidos sobre a sequência das notícias, o que provocou uma movimentação nos bastidores.

Os comunicadores anunciaram uma matéria sobre a nova Cracolândia. “As ruas da região conhecida como Cracolândia nas ruas de São Paulo ficaram vazias de uma hora para outra”, disse a ex-repórter do “Primeiro Impacto” “E essa solução repentina de um problema que já dura 30 anos acendeu alerta de quem vive e trabalha por ali”, completou Torres, que em seguida ficou aguardando a exibição da notícia.

A reportagem que era pra ser exibida na sequência acabou não indo ao ar. A produção do “SBT Brasil” avisou os âncoras através do ponto eletrônico sobre o erro, o que provocou uma confusão na hora de informar o público. “Tivemos um problema técnico com a reportagem, a gente vai assistir agora ou vamos aguardar mais um pouquinho?”, perguntou Dantas visivelmente nervosa.

“Vamos só esperar o que a nossa equipe técnica vai passar pra gente, vamos aguardar só um pouquinho”, falou por cima o colega da jornalista. Logo depois a direção pediu para que chamassem uma notícia sobre o tráfico de drogas no Rio de Janeiro. “Daqui a pouquinho a gente volta a falar sobre esse caso da Cracolândia”, concluiu Marcelo.

Continua após a publicidade

Em fevereiro, Márcia Dantas passou por cima da fala do colega de bancada do “SBT Brasil” e provocou um leve climão ao vivo. “Quase…”, leram os dois de forma sincronizada. Apesar da pressa, a jornalista se corrigiu com o âncora e tentou disfarçar a indisposição no principal noticiário da emissora de Silvio Santos. “Desculpa Marcelo, é você”. Ele então seguiu: “Vamos lá então Márcia, quase 300 bezerros foram resgatados”.

A notícia que era pra ser exibida no SBT Brasil

De acordo com informações obtidas pelo G1, usuários de drogas que moravam na região central da capital paulista mudaram para as imediações da praça Princesa Isabel, localizada entre as avenidas Rio Branco e Duque de Caxias, na Santa Cecília. Roberto Monteiro, delegado da Polícia Civil, confirmou à publicação que a mudança teria sido uma ordem de uma facção criminosa.

“Nós tivemos uma notícia de que o fluxo, por ordem de uma facção criminosa, um líder, se mudou para outros locais, não só para a Praça Princesa Isabel, onde nós já temos um trabalho sendo realizado de inteligência ali naquele local, como também para outros pontos, como já estava ocorrendo diante da nossa repressão ao tráfico de drogas”, disse o agente.