Fechar
SBT NEWS

SBT mobiliza equipe de jornalismo e prioriza julgamento do ano

Julgamento do caso Rafael vai ocorrer a partir desta segunda-feira (21)

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Criticado por não priorizar o departamento de jornalismo, o SBT decidiu mobilizar jornalistas para a cobertura do julgamento do caso Rafael. O menino, de 11 anos, morreu estrangulado em maio de 2020. A própria mãe é acusada de ter cometido o crime. De acordo com a denúncia, Alexandra Dougokenski usou uma corda para assassinar o pré-adolescente e, em seguida, escondeu o corpo dentro de uma caixa de papelão no terreno de uma casa vizinha à sua.

O julgado está marcado para ocorrer a partir desta segunda-feira (21) em Planalto, no Rio Grande do Sul, e deve durar quatro dias. A emissora de Silvio Santos escalou s repórteres Luciane Kohlmann e Lucas Abati para levar as últimas informações do caso nos telejornais do SBT RS, além do “SBT Brasil”, noticiário comandado por Marcelo Torres e Márcia Dantas em rede nacional.

Além da cobertura na TV, o canal vai promover lives no canal SBT News do YouTube, além de disponibilizar informações em tempo real através do site da plataforma. Além disso, o SBT News vai transmitir em tempo real todo o julgamento. Na próxima sexta-feira (18), o SBT Rio Grande exibe trechos de entrevistas com pessoas relacionadas ao caso e que vão participar do julgamento. O jornal vai ao ar a partir das 11h30.

O SBT está envolvendo 15 profissionais nesta cobertura jornalística tão importante para o estado e também com repercussão nacional. O público do SBT vai poder ter acesso às informações por várias plataformas e ainda acompanhar análises e desdobramentos do júri minuto a minuto“, afirma o editor regional Danilo Teixeira.

Continua após a publicidade

Outra cobertura do SBT

O primeiro dia da invasão da Rússia à Ucrânia no último dia 24 de fevereiro ficou em segundo plano para a emissora de Silvio Santos. No início da madrugada a TV priorizou programas gravados e a reprise do seu principal telejornal, enquanto a Globo derrubou a programação para abrir um plantão e esticar o “Jornal da Globo”, de Renata Lo Prete, para cobrir o acontecimento da geopolítica internacional.

O SBT abordou a guerra somente depois das 04h00 da manhã durante o “Primeiro Impacto”, telejornal popular apresentado por Dudu Camargo e Marcão do Povo. Mais tarde, depois das 15h00, o canal permitiu um link de Sérgio Utsch dentro do “Fofocalizando” para atualizar as informações da invasão.

Impedido de entrar ao vivo em rede nacional durante a madrugada, o departamento de jornalismo do SBT abriu uma live com o repórter no canal SBT News, do YouTube. “Aqui na capital nós ouvimos barulhos de explosões, não aqui na área central, mas nos arredores da cidade. O governo ucraniano confirma que bases militares e aeroportos estão sendo atacados pelos russos”, informou.

Tags Relacionadas: