Fechar
CHOROU

Sikêra Jr. revela decisão judicial contra LGBTS ao vivo e cai no choro

Apresentador não conseguiu esconder a emoção e fez um desabafo

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Repleto de processos judiciais, o comunicador Sikêra Jr. não perdeu tempo e fez questão de revelar, ao vivo, a decisão referente a ação movida pelo movimento Sleeping Giants Brasil junto com o Canal Põe na Roda, a Aliança LGBTI e a All Out. O polêmico apresentador do “Alerta Nacional” não conseguiu esconder a emoção pelo resultado e contou a novidade aos telespectadores.

Sikêra estava ansioso para revelar a notícia, mas primeiro averiguou se a decisão poderia ser exposta naquele momento: “Senhoras e senhores, acabei de receber uma notícia. Por isso que eu digo… Dobre os joelhos. Ore! Ore! Eu só estou esperando autorização. Que vocês tirem como aqui, como do que está acontecendo, como uma grande resposta”.

Antes de ler o veredito dado pelo desembargador, o apresentador da RedeTV! informou que precisava contar a novidade para seus telespectadores, com o objetivo de deixa-los por dentro de tudo o que estava ocorrendo: “Vou colocar vocês a par do que está acontecendo. Eu preciso divulgar para o meu público que me assiste”.

Sikêra Jr. começou a ler a decisão favorável a ele. De acordo com o âncora, essa é a resposta para aqueles que, segundo ele, fizeram mal a ele e sua família: “O desembargador Airton deferiu a liminar e mandou suspender a campanha do Sleeping Giants contra Sikêra. O que esses caras fizeram com minha família e comigo. O que vocês fizeram comigo, a resposta está aí. É minha fé no senhor Jesus Cristo”.

Continua após a publicidade

O apresentador do “Alerta Nacional” definiu como “satânico” o movimento Sleeping Giants Brasil: “A resposta está dada. A família brasileira está dando a resposta. A gente não aceita mais essa sacanagem, o que vocês fizeram com as crianças, com a minha família. Demorou! Por isso digo, acredite na Justiça do meu país eu acredito. Esses sites satânicos, esse sleep satânico aí”.

De acordo com Sikêra, tudo que foi feito pelos grupos, com o objetivo de prejudica-lo só tinha um motivo: lacrar: “Só tem dois laranjas no Brasil que moram no Paraná, vão ter que cobrir o prejuízo que deram. Eu tenho o direito também de processar. O que vocês fizeram com a minha vida, através da lacração. Só Jesus vai dar a resposta a vocês”.

Sikêra Jr. finalizou agradecendo a Jesus pela decisão da justiça: “Eu continuo acreditando na Justiça do meu país. Passei a ser chamado de investigado. Eu, pai de família, trabalhador. Trabalho desde os meus 14 anos. Vem um engraçado aí que sofre bullying a vida inteira e quer descontar. Meu senhor Jesus Cristo, não tenho mais nada que pedir, só agradecer”.

O processo movido pelo grupo Sleeping Giants Brasil e seus parceiros, aconteceu após a polêmica envolvendo o apresentador. Na ocasião, Sikêra Jr. chamou os homossexuais de “raça desgraçada” durante apresentação do telejornal “Alerta Nacional”, transmitido pela RedeTV!. O episódio lamentável acarretou em vários processos ao apresentador e sua emissora, além da perda de diversos patrocínios.