Fechar
Soltou o Verbo

Sonia Abrão detona noite de sexo entre Maria e Eliezer

A apresentadora do programa “A Tarde é Sua” disse que a sister forçou a barra e que o brother estava visivelmente desconfortável

Bruno PintoRepórter do EM OFF

Se tem um assunto que vem dando o que falar nas redes sociais, sem dúvidas, é a movimentação no edredom de Eliezer e Maria, ocorrida na madrugada desta quinta-feira (03), logo após a festa do líder Tiago Abravanel. Além de milhares de internautas, Sonia Abrão também não perdeu a oportunidade de falar sobre o caso e ainda detonou a atitude de Maria.

Durante o programa “A Tarde é Sua”, transmitido hoje (03), a apresentadora da atração diária não poupou palavras para descrever o que sentiu ao ver as imagens em que Maria aparece insistindo Eliezer a ir para a cama com ela. Sonia deixou claro que a sister forçou a barra, mesmo entendendo que o brother estava visivelmente desconfortável com a situação naquele momento.

A jornalista começou falando sobre a postura dos colegas de confinamento: “Tinha toda uma torcida pra que isso acontecesse, desde o primeiro beijo deles. Ontem todo mundo sentiu um clima no ar e começaram a ficar de olho. Eles não podiam se mexer que todo mundo ficava olhando e ia atrás… Foi uma coisa muito engraçada, parece que ninguém fez sexo na vida, uma coisa estranha, um comportamento de adolescente”.

A contratada da RedeTV! disse que Eliezer deu sinais de que estava inseguro: “Só foi acontecer mesmo de madrugada, quase de manhã, porque o Eliezer estava bastante inseguro em relação a este tipo de coisa. A Maria já estava decidida. Ela deixou a festa para pegar preservativos, ela combinou de tomar banho e ele não apareceu, o que seria um sinal de que ele não estava tão decidido quanto ela”.

Continua após a publicidade

Sonia falou que diante da pressão, o brother chegou a ir com Maria, mas acabou desistindo pelo simples fato de não estar se sentimento bem e confortável: “Depois que tomou banho, ela sai da casa e volta pra festa pra buscar ele, pra dar um esculhambo nele, porque ele estava vacilando. Ele chega a ir, mas volta pra festa, porque não estava se sentido seguro”.

A apresentadora do programa “A Tarde é Sua” permaneceu com sua opinião a respeito da postura de Maria: “Rolou, mas eu achei que houve uma forçação de barra e essas coisas tem que rolar naturalmente. Quando uma parte ou outra está insegura e vem aquela e fala que o outro é lerdo, que é vacilão… Não deixa de ser uma pressão, ainda mais do jeito que ela apareceu ali”.

A jornalista acredita que uma hora iria acontecer, mas que não precisava ser da forma como rolou: “Se ele não apareceu pro banho, se toca. Mas não, ela foi lá buscar e ainda chamou ele de lerdo… Eu achei que houve uma pressão pra isso, não que ele não fosse, mais dia ou menos dia, transar com a maria. Ele já até tinha demonstrado interesse nela, mas não precisava, necessariamente, ser ontem e daquela maneira”.

Por fim, Sonia Abrão ressaltou que sua opinião não tem relação com o fato de Maria ser uma mulher, pois independentemente do sexo da pessoa, a pressão acaba prejudicando a outra parte: “As coisas quando fluem naturalmente, elas são muito mais legais. Agora o cara estava inseguro, não estava afim de que fosse ontem, você vai lá e pressiona… Eu acho feio, não gosto desse tipo de coisa. Não que mulher não tenha que ter atitude, mas não precisava ser dessa maneira”.