Fechar
Baixo orçamento

Tapete sujo e cenário econômico da RedeTV! viram piada

Cenário do programa “Foi Mau”, de Maurício Meirelles, foi alvo de críticas nas redes sociais

Paulo Henrique LimaRepórter do EM OFF

Em tempos de crise e mudanças no mercado, as emissoras estão criando estratégias, demitindo donos de altos salários e economizando nos cenários. O objetivo é fechar o ano fora do vermelho e dentro de uma zona confortável. Na RedeTV!, o programa “Foi Mau”, comandado pelo apresentador Maurício Meirelles, teve um orçamento reduzido em todos os sentidos. Da tecnologia ao piso do cenário.

No episódio levado ao ar na noite desta segunda-feira (13), o público que acompanhava a atração não deixou passar despercebido o tapete usado como parte da decoração do estúdio. O tecido encorpado, posicionado no centro do estúdio com recuso de chroma key, apresentava resquício de sujeita. Na ocasião, Núbia Óliiver, abriu o jogo sobre sua vida pessoal e carreira.

“Nossa, a RedeTV! não tem um aspirador pra limpar o tapete antes de gravar?”, disparou o usuário Alvinho. “A´í perderia o padrão de qualidade”, ironizou Marcelo Rêgo. “Eu achei que até nisso usavam chroma key”, brincou Iarlley sobre os cenários virtuais usados em quase toda a grade de programação da emissora. “Se não paga nem os funcionários, imagina ter um aspirador de pó”, afirmou Andy.

Durante sua participação no “Foi Mau”, Núbia Óliiver falou sobre sua experiência após 18 vezes estampar capas de revistas masculinas. “Estar pelada na frente de uma equipe ou de uma multidão é um ato de coragem. Sempre gostei do nu artístico. É um trabalho que eu quero morrer fazendo, não tenho vontade de parar”, disse ela, que também criticou a censura das redes sociais.

Continua após a publicidade

“As redes sociais estão muito chatas. Coloco uma foto e já derrubam o perfil”, disparou. A famosa costuma fazer sucesso com seu cliques pra lá de sensuais e dicas sobre o prazer. Apesar de ser uma musa, ela garante que prefere se envolver amorosamente com pessoas anônimas. “Não gosto de famoso, porque dá muito problema. Famoso é chato e estou falando porque eu sou. Mas já peguei alguns“.

Em agosto, funcionários da RedeTV! entraram em greve e reivindicaram aumento salarial previsto desde 2018. À época, os colaboradores acamparam na porta da sede da emissora, localizada em Osasco, na grande São Paulo, após a emissora oferecer apenas 3,8%, quando o aprovado era de 18,72%. A emissora foi a única empresa do segmento que não reajustou os pagamentos.

A grave foi liderada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Radiodifusão e Televisão no Estado de São Paulo. A RedeTV! enviou uma nota ao EM OFF e afirmou que, apesar de enfrentar um período de crise provocada pela pandemia da Covid-19 no Brasil, a empresa foi a única emissora de TV que não demitiu nenhum funcionário.

“A argumentação apresentada pelo Sindicato é totalmente desvinculada da realidade, sabendo que o setor de comunicação foi um dos mais gravemente afetados pela pandemia COVID-19 e que a RedeTV!, ao contrário de outras empresas do meio que notoriamente praticaram grandes cortes de folha de pagamento durante o período, não o fez”, diz a nota do canal de Amilcare Dallevo e Marcelo de Carvalho.

Você usa TELEGRAM? Então entre no nosso canal e receba nossas notícias no seu celular.
Basta clicar aqui -> https://t.me/portalemoff